terça-feira, 19 de outubro de 2021 - 08:44 h

TEMPO REAL

 

Capa / Internacional / Estado da Nova Gales do Sul, na Austrália, e Irã impõem novas quarentenas

Estado da Nova Gales do Sul, na Austrália, e Irã impõem novas quarentenas

Matéria publicada em 14 de agosto de 2021, 11:29 horas

 


Premiê da Nova Gales do Sul, Gladys Berejiklian afirmou que a situação no Estado é “terrível” e alertou para a possibilidade da região enfrentar meses de bloqueios- Foto: James Ross/Reuters.

Camberra- Após registrar seu recorde diário de casos de Covid-19, com 466 novas infecções em 24 horas, o Estado australiano da Nova Gales do Sul decidiu neste sábado impor uma nova quarentena local para conter o avanço da variante delta do coronavírus, segundo informou o The Guardian.

As novas ordens – que tomaram efeito às 17h00 (horário local) de hoje e vão durar até o fim do próximo sábado (21) – incluem a obrigatoriedade de permanecer em casa a menos que haja razão “razoável” para sair, enquanto pessoas de domicílios diferentes não poderão compartilhar o mesmo ambiente doméstico, e pubs, restaurantes e lanchonetes deverão ficar fechadas ao público.

Premiê da Nova Gales do Sul, Gladys Berejiklian afirmou que a situação no Estado é “terrível” e alertou para a possibilidade da região enfrentar meses de bloqueios enquanto as baixas taxas de vacinação chegam perto da meta de 70% da população adulta completamente vacinada. Atualmente, cerca de 26% dos adultos receberam duas doses no Estado.

De acordo com a Associated Press, com base em relatos da mídia local, o Irã também vai impor um lockdown no país. O bloqueio deve durar seis dias, da segunda-feira (16) até o próximo sábado (21), segundo a publicação. Entre as restrições, todos os bazares, mercados e escritórios públicos, bem como cinemas, academias e restaurantes fecharão em todas as cidades iranianas. A força-tarefa nacional de combate ao coronavírus, que emitiu a decisão, também ordenou a proibição de viagens entre todas as cidades iranianas de domingo a sexta-feira.

Neste sábado, o Irã registrou 29,7 mil novos casos e 466 mortes adicionais provocadas pela covid-19, para um total de 4.389.085 de pessoas infectadas e 97.208 óbitos.

A Rússia registrou neste sábado sua maior taxa diária de novas mortes por covid-19 desde o início da pandemia, com mais 819 óbitos nas últimas 24 horas, além de 22.144 casos, segundo relatos da mídia internacional. Ao todo, 169.683 russos morreram da doença, segundo o The Guardian.

Fonte agência Estado com agências internacionais*

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document