domingo, 31 de maio de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Artistas e obras são escolhidas para o 45º Salão da Primavera

Artistas e obras são escolhidas para o 45º Salão da Primavera

Matéria publicada em 22 de setembro de 2017, 17:51 horas

 


Júri especializado selecionou 25 artistas e 43 obras que poderão ser apreciadas pelo público, de 25 de setembro a 3 de novembro, no MAM

Resende – Acabou a espera! Já foram apresentadas as listas de artistas e obras que farão parte do 45º Salão da Primavera de Resende, que será aberto neste sábado, dia 23, às 19h, no MAM (Museu de Arte Moderna). Este ano foram inscritos 145 trabalhos de 63 artistas, avaliados pelos jurados Gisele Ferreira (artista plástica), Sônia Siqueira (crítica de arte, ex-diretora do MAM) e Rafael Fioratto (coordenador de projetos culturais), que decidiram pela seleção de 25 artistas, totalizando 43 obras, que participarão da exposição aberta ao público a partir de 25 de setembro, até 3 de novembro.

Ao final dos trabalhos de seleção, o júri conferiu os prêmios de aquisição e menções-honrosas que serão entregues aos artistas durante a abertura do Salão da Primavera. O Prêmio Altamiro Pimenta, outorgado pela prefeitura de Resende, será oferecido para Tatiana Clauzet, pelo conjunto de três obras (A Gralha Azul e a Araucária; O Sabiá e a Canela e O Tucano e o Jussara).

A artista Juliana Pimenta Bernabó receberá o prêmio Fundação Casa da Cultura Macedo Miranda pelos seus três trabalhos inscritos (Ponto de vista: salto, Ponto de vista: relax e Ponto de vista: yoga).

A obra “Dompa Resendense”, de Joaquim Correa Pereira será contemplada com o Prêmio Engenheiro Eitel Cesar Fernandes, oferecido pela Câmara Municipal para um artista nascido ou radicado na cidade.

As menções-honrosas serão conferidas aos seguintes artistas: Gabriel de Lemos, Paulo Huthmacher, Davi Pereira, Cazoba e Ana Lúcia Castelo Branco.

– Os trabalhos escolhidos mostram a variedade e amplitude das artes plásticas na região. A escolha foi difícil e criteriosa e é assim que deve ser, já que as obras vão fazer parte do acervo do Museu de Arte Moderna, tornando-se patrimônio da cidade – relatou a presidente da Casa de Cultura Macedo Miranda, Denise Cunha de Assis.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document