terça-feira, 12 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Compositores voltarredondenses estão entre os finalistas dos sambas concorrentes para o Carnaval 2018 da Mangueira

Compositores voltarredondenses estão entre os finalistas dos sambas concorrentes para o Carnaval 2018 da Mangueira

Matéria publicada em 5 de setembro de 2017, 17:49 horas

 


‘Com dinheiro ou sem dinheiro, eu brinco!’ é o titulo do enredo que a escola de samba levará para a Sapucaí

Volta Redonda – O Carnaval pode parecer ainda estar longe, mas quem é envolvido com a festa sabe que ela acontece durante o ano todo. Uma das maiores escolas de samba do Rio de Janeiro, a Estação Primeira de Mangueira, está realizando um concurso para escolher o samba enredo do Carnaval 2018. O título do enredo é “Com dinheiro ou sem dinheiro, eu brinco!”. E tem gente de Volta Redonda envolvida nessa história.

Os compositores Marcio Antonio Salviano, o Marcio Bola; Ronie de Oliveira Machado, Ronie Santa Rita; e Silvio Moreira Filho, o Silvio Mama, estão concorrendo e já estão entre os dez finalistas. Márcio é aposentado, Ronie é engenheiro civil e Silvio Mama é auxiliar administrativo. E o que une esses três? O amor pelo samba, pelo Carnaval e pela Mangueira!

A escola de samba iniciou a disputa de samba-enredo no último dia 2 de setembro. A grande final será realizada no dia 7 de outubro, no Palácio do Samba.

Segundo Márcio Bola, ele e seus amigos já são frequentadores da escola de samba há muitos anos.

– Nós já éramos amigos. Eu sempre fui mangueirense e desde 2010 frequento a escola. Sempre fui engajado com o Carnaval de blocos de rua de Volta Redonda e está sendo muito bacana esse ano estar participando e concorrendo para o enredo 2018 da Mangueira. Estar entre os 10 finalistas está sendo uma realização – conta, afirmando que a escolha é feita por 40 jurados da Mangueira.

O samba enredo #chegadedemanda tem como compositores Hélio Turco, Felipe Filósofo, Deivid Domênico, Sérgio Gil e Silvio Mama. O Silvio já faz parte da ala de compositores da Mangueira há um tempo, por isso ele assina o samba. Cinco pessoas assinam a composição, sendo que Márcio e Ronie fazem parte da “cota” de Silvio Mama na parceria.

– Já fui vice-campeão duas vezes e estou muito esperançoso para esse ano. Para mim é uma honra ter esses dois amigos na parceria. Nosso samba vem forte e nossa expectativa é ganhar – diz Silvio Mama, ressaltando que as eliminatórias acontecem sempre aos sábados.

Ronie Santa Rita fala que o refrão de #chegadedemanda é baseado em uma música de Cartola e remete ao Carnaval antigo.

– Contamos com o apoio de todos nessa caminhada. Toda semana levamos um ônibus para torcer pela gente, pelo nosso samba. Nossa família é nossa principal incentivadora. Precisamos, inclusive, de apoio, de patrocínio para esse ônibus. Até agora todo custo tem saído do nosso bolso e ter um patrocinador seria muito importante nessa fase – afirma.

Carnaval 2018: Marcio Bola, Ronie Santa Rita e Silvio Mama estão concorrendo com o enredo #chegadedemanda (Fotos: Paulo Dimas)

Carnaval 2018: Marcio Bola, Ronie Santa Rita e Silvio Mama estão concorrendo com o enredo #chegadedemanda (Foto: Paulo Dimas)

O enredo da Mangueira em 2018

“Com dinheiro ou sem dinheiro, eu brinco!” é o titulo do enredo que a Estação Primeira de Mangueira levará para a Sapucaí em 2018. Um enredo que zomba da decisão do atual prefeito do Rio, Crivela, que questiona padrões e modelos, que traz de volta o carnaval enquanto sátira, que traz o desfile enquanto um discurso cultural de teor mais crítico e menos escapista.

Segundo o carnavalesco da Verde e Rosa, Leandro Vieira, a Mangueira fará um carnaval sem hipocrisias. ”O desfile que começo a realizar para o carnaval 2018 joga o carnaval e o modelo dos desfiles das escolas de samba do Rio de Janeiro no ventilador”, disse Leandro Vieira.

 

Conheça o enredo #chegadedemanda

 

DESCI (AH, EU DESCI) O MORRO DE MANGUEIRA

PRA MOSTRAR QUE SOU RAIZ DA CULTURA BRASILEIRA

DE BOLSO FURADO, SAPATO APERTADO, NA MESA DO BAR

LÁ VEM ZÉ PEREIRA GUIANDO O CORTEJO PRA GENTE VERSAR

ÁGUA DA BICA, IOIÔ… LIMÃO DE CHEIRO, IAIÁ…

VAMOS CAIR NA FOLIA, LAIÁ

NA PRAÇA ONZE ONDE TUDO COMEÇOU

UM GRITO JÁ ECOOU

NÃO DÁ MAIS PRA SEGURAR

 

SOU DA VALENTIA, SINHÁ

OI, QUEM MANDOU DUVIDAR

GIRA BAIANA! QUEM NÃO SAMBA VAI SAMBAR!

 

CHEGOU A MULTIDÃO DO BOLA PRETA

REQUEBRA CABROCHA, Ó QUANTA BELEZA!

O BATE-BOLA ESTOURA BOMBAS DE CONFETE

UM CACIQUE BRINCA COM SEU CANIVETE

RASGUEI A SEDUÇÃO DA FANTASIA

DERRUBEI A REPRESSÃO DA ALEGRIA

A RUA ME ENSINOU A COMPOR

A LIBERDADE NÃO COMBINA COM SENHOR

E ASSIM NOS BRAÇOS DO POVO

O BLOCO DE SUJO É A VOZ DA NAÇÃO

 

O CARNAVAL É NOSSA MANIFESTAÇÃO

 

NÃO HÁ DINHEIRO QUE DEFINA ESSE AMOR

PRA SEU GOVERNO VOU MOSTRAR O MEU VALOR

 

“CHEGA DE DEMANDA, CHEGA!”

“CHEGA DE DEMANDA, CHEGA!”

Ô ABRE-ALAS QUE A MANGUEIRA VAI PASSAR!

Ô ABRE-ALAS QUE A MANGUEIRA VAI PASSAR!


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Avatar

    Parabéns Silvio (Mama) e demais compositores!

  2. Avatar

    Sou de volta redonda mais moro no Rio estarei torcendo por vocês.

Untitled Document