quarta-feira, 12 de maio de 2021 - 20:27 h

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Cultuar reabre o convento São Bernardino

Cultuar reabre o convento São Bernardino

Matéria publicada em 26 de março de 2016, 08:00 horas

 


Angra dos Reis passa a contar novamente com mais um espaço para as produções culturais

Angra dos Reis – A Prefeitura de Angra dos Reis, por meio da Fundação de Cultura (Cultuar), reabriu o convento São Bernardino de Sena. Os reparos estruturais, que iniciaram em setembro do ano passado, foram feitos na varanda lateral, que passou por recuperação, consolidação e recomposição do madeiramento estrutural e trama. O corredor superior teve os barrotes, tábuas e vidros também recuperados, assim como todo o telhado da nave central do convento.

Ao todo, foram investidos nas obras R$ 284 mil em recursos próprios da prefeitura. Com a reabertura do convento São Bernardino de Sena, Angra passa a ter mais um espaço que poderá ser utilizado pelos produtores culturais da cidade.

Além disso, o convento, erguido originalmente em 1763, volta a ser um atrativo turístico do Centro, com direito a guias que fazem o tour pelo local contando a sua história.

O presidente da Cultuar, Délcio José Bernardo, fala do grande simbolismo que o convento tem para o movimento cultural de Angra. Antes da inauguração do teatro municipal, era lá que a maior parte da produção artística acontecia. Encontros de teatro, de coral, shows, exposições, ensaios de espetáculo, enfim, tudo o que é ligado aos artistas, de um modo em geral, sempre encontrou abrigo na localidade.

– Durante o período em que o convento passou fechado, houve um baque na produção do movimento cultural. Por isso, reabri-lo é uma grande alegria e uma conquista da nossa gestão – diz Délcio.

Ainda de acordo com ele, o convento, do século XVIII, é parte extremamente importante para o aspecto histórico do município. Ele foi uma das primeiras construções da nova sede da cidade. Em volta dele as comunidades foram erguidas, por isso, segundo o presidente, é fundamental mantê-lo aberto para a utilização pública.

– Além disso, o convento vai nos permitir ampliar as realizações culturais, por ser ele mais um espaço disponível para isso – fala.

Evento: Reabertura do Convento contou com apresentações do Coral da Cidade e da Orquestra Sinfônica Confidence (Fotos: Divulgação)

Evento: Reabertura do Convento contou com apresentações do Coral da Cidade e da Orquestra Sinfônica Confidence (Fotos: Divulgação)

essa (1)


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document