sexta-feira, 30 de julho de 2021 - 01:19 h

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Guia de Leitura: As viagens maravilhosas do Júlio Verne

Guia de Leitura: As viagens maravilhosas do Júlio Verne

Matéria publicada em 17 de junho de 2021, 19:17 horas

 


Box da editora Zahar inclui quatro clássicos do escritor francês

O francês Júlio Verne ficou conhecido como um dos pais da moderna literatura de ficção científica. Mas sua verdadeira especialidade era as histórias sobre viagens a lugares distantes e exóticos. A editora Zahar reuniu quatro das melhores “viagens” do Júlio Verne num box chamado “Viagens Extraordinárias”. São quatro livros em capa dura que incluem “20 mil léguas submarinas”, “Viagem ao centro da Terra”, “A ilha misteriosa” e “A volta ao mundo em 80 dias”. Todas as edições incluem comentários situando a obra em sua época e são belamente ilustradas. O pacote esta saindo por um preço em torno dos 130 reais o que é bem em conta.

“20 mil léguas submarinas” é um dos livros que deu ao Verne o título de pioneiro da ficção científica. Ele conta a história de uma volta ao mundo pelo fundo dos mares a bordo de um fantástico submarino movido à eletricidade. Detalhe, quando Verne escreveu o livro, no final do século 19, os primeiros submarinos ainda estavam sendo projetados. E nenhum deles seria capaz de cruzar os oceanos. A história é cheia de aventuras fantásticas e encontros com seres perigosos como tubarões e polvos gigantes. E como a maioria das aventuras de Júlio Verne ela foi transformada num filme maravilhoso pelos estúdios Disney.

“A ilha misteriosa” é uma espécie de continuação das “20 mil léguas submarinas”. E conta a história de um grupo de pessoas que fogem da guerra de secessão nos Estados Unidos, voando num balão. O balão é levado pelos ventos para o meio do oceano onde eles descem na ilha misteriosa do título. Onde são confrontados por uma série de fenômenos estranhos. Lembram daquele seriado “Lost”, que fez sucesso há mais de dez anos? Era uma versão moderna, não autorizada da “Ilha Misteriosa”.

“Viagem ao centro da Terra” inspirou o roqueiro Rick Wakeman a criar uma de seus espetáculos multimídia nos anos de 1970. A ciência por trás do romance esta completamente errada, mas ainda é uma aventura fascinante. “A volta ao mundo em 80 dias” foi baseada no progresso dos meios de transporte ocorrido na época vitoriana. E conta a história de um cidadão inglês que faz uma aposta milionária, de que será capaz de circundar o mundo em 80 dias, usando os então modernos navios a vapor e ferrovias. Uma boa leitura para esses dias frios e de pandemia.

 

Jorge Luiz Calife

Aventura: Pelos céus e os mares do mundo com Júlio Verne


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document