terça-feira, 22 de junho de 2021 - 11:43 h

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Guia de Leitura: Uma viagem ao mundo da música

Guia de Leitura: Uma viagem ao mundo da música

Matéria publicada em 14 de maio de 2021, 16:32 horas

 


Compositor conta a história da grande música e de seus compositores

“Linguagem do espirito – uma introdução à música clássica” é um livro destinado aqueles que não compreendem muito bem a grande música. Escrito pelo compositor e musicólogo Jan Swafford ele conta a história da evolução da música ocidental e de alguns de seus mestres mais importantes, como Mozart, Beethoven, Debussy e o fantástico Johann Sebastian Bach. O livro esta saindo pela editora Zahar e teve tradução de Paulo Geiger.

Livros sobre o assunto são bem raros no Brasil e ainda me lembro de uma obra semelhante que li nos meus tempos de estudante de segundo grau. Tive a sorte de crescer em uma casa onde se ouvia boa música o tempo todo. Da popular à erudita e clássica. Afinal meu pai era músico e desde cedo aprendi a curtir os grandes compositores. Que ouvíamos em um velho toca-discos de Vinil. Lembro dos discos com o rótulo vermelho da Colúmbia, com um cachorrinho simpático ouvindo um gramofone e a legenda “a voz do dono”. Mas eu não entendia muito bem porque o maestro ficava agitando aquela varinha o tempo todo e fiquei com vergonha de perguntar ao meu pai. Daí procurei as respostas no livro que tinha na biblioteca da escola.

Hoje em dia, num mundo dominado pelo funk e o rap os jovens acabam conhecendo a música erudita através do cinema. Isso acontece porque muitos cineastas, desde o início do cinema falado, já percebiam que nada como uma peça desses grandes compositores para transmitir sentimentos de grandeza, amor, esperança ou desespero. Foi através do seriado do Flash Gordon, que passava na televisão, que fiquei conhecendo Os Prelúdios de Franz Liszt. O que foi bom e ruim ao mesmo tempo. Até hoje, cinquenta anos depois, sempre que ouço esta obra de Liszt me vem a cabeça a imagem de foguetes rodopiando no céu. Outro exemplo notável é o uso da “Cavalgada das Valquírias” de Richard Wagner na cena do ataque dos helicópteros no “Apocalipse” do Copolla.

O livro explica como esse tipo de música fascina gerações e continua sempre atual séculos depois de ter sido criada. É só sentar, ler, e depois ouvir Bach ou Beethoven.

Jorge Luiz Calife

Música: Os grandes compositores e sua obra


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document