terça-feira, 21 de maio de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / O ‘Esquadrão Suicida’ da DC e o novo fracasso do Spielberg

O ‘Esquadrão Suicida’ da DC e o novo fracasso do Spielberg

Matéria publicada em 28 de julho de 2016, 13:13 horas

 


‘O Bom Gigante Amigo’ custou caro e rendeu muito pouco

A estreia mais aguardada da semana é o “Esquadrão Suicida”. Filme que reúne um time de vilões da DC Comics dando uma de bonzinhos. Com direito a uma participação especial do Batman do Ben Affleck. O filme de supervilões corria o risco de ser ofuscado pela nova produção do Steven Spielberg, “O Bom Gigante Amigo”, mas a produção de 140 milhões de dólares fracassou nas bilheterias nos EUA e já é um dos maiores fiascos na carreira do cineasta de “ET – O extraterrestre”.

Mas vamos começar pelos vilões. Uma agência secreta do governo dirigida por Amanda Waller (Viola Davis tomando o lugar de Angela Basset) reúne um time de supervilões para executar operações especiais. Em troca eles terão uma redução nas penas que cumprem na penitenciária lá de Gothan City. O time de malucos inclui Harley Quinn (Margot Robbie), Deadshot (Will Smith), Capitão Bumerangue (Jai Courtney), El Diablo (Ray Hernandez), a Encantadora (Cara Delevingne) e Katana (Karen Fukuhara), entre outros. Jared Leto aparece como a nova versão do Coringa.

O filme do diretor David Ayer foi muito divulgado na internet e na última Comic-Con. Faz parte de um pacote de produções com os personagens da DC que começou com o “Batman Vs Superman – A Origem da Justiça” e deve continuar com um novo filme da Mulher Maravilha. O público alvo desses filmes de super-heróis são os leitores de histórias em quadrinhos que gostam mais de vilões do que de personagens bonzinhos. Tanto que o Coringa foi a principal estrela daquela trilogia do Homem Morcego dirigida pelo Christopher Nolan.

“Esquadrão Suicida” parece uma versão barra pesada dos X-Men da Marvel. Will Smith esnobou o papel de herói no novo Independence Day para fazer o papel do pistoleiro Deadshot neste filme.

Fantasia

“O Bom Gigante Amigo” marca o retorno do aclamado cineasta Steven Spielberg aos filmes infantis. O filme é baseado em um livro de Roald Dahl, o mesmo escritor de “Charlie e a fábrica de chocolate”. A trama vai dar pesadelo nas crianças pequenas, mas deixou as plateias entediadas nos Estados Unidos. A produção custou 140 milhões de dólares e rendeu menos de cinquenta milhões. Já é considerado um dos maiores fracassos da carreira do Spielberg, ao lado de “1941” e “Hook, a volta do Capitão Gancho”.

Sophie (Ruby Barnhill) é uma menina órfã que vive em um orfanato igualzinho aquele do último filme do Peter Pan. Durante a noite um gigante mágico invade a capital inglesa e sequestra as crianças do orfanato. Mas, ao contrário do Capitão Gancho, os gigantes não querem os pequenos para trabalho escravo. Eles simplesmente comem criancinhas.

Sophie é capturada pelo gigante BFG que leva a menina para seu mundo, a terra dos gigantes. Mas no lugar de comer a menininha ele se torna amigo dela. Sophie descobre que BFG foi segregado pelos outros gigantes justamente por ser amigo das crianças e se recusar a comê-las.

Quando os gigantes malvados aparecem, ela leva BFG para ver a rainha Elizabeth II, no Palácio de Buckingham. A rainha chama o exército para prender os gigantes malvados e salvar todas as crianças ameaçadas de virar refeição. O filme tem aquela cenografia mágica, que se espera de um filme do Spielberg. O gigante mora em uma árvore toda fluorescente, que parece ter sido transplantada daquela floresta do Avatar.

Gacemss

No Gacemss tem o filme brasileiro da semana, “Campo Grande”, que conta a história de duas crianças abandonadas e da busca pela mãe delas. E “Florence: Quem é Essa Mulher?” sobre uma rica herdeira que sonha em ser cantora de ópera. O problema é que a voz dela é péssima.

 

 ‘O Bom Gigante Amigo’: Filme marca o retorno do aclamado cineasta Steven Spielberg aos filmes infantis


‘O Bom Gigante Amigo’: Filme marca o retorno do aclamado cineasta Steven Spielberg aos filmes infantis

‘Esquadrão Suicida’: Longa reúne um time de vilões da DC Comics dando uma de bonzinhos

‘Esquadrão Suicida’: Longa reúne um time de vilões da DC Comics dando uma de bonzinhos

 

Por Jorge Luiz Calife

jorge.calife@diariodovale.com.br


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document