>
sexta-feira, 20 de maio de 2022 - 19:24 h

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Prefeitura de Valença e Governo do Estado retomam obra do Teatro Rosinha de Valença

Prefeitura de Valença e Governo do Estado retomam obra do Teatro Rosinha de Valença

Matéria publicada em 20 de novembro de 2015, 13:00 horas

 


Previsão para o término da reforma é de sete meses

 

DSC_0133

Melhorias: Novo teatro terá sala de ensaio, museu, cafeteria, cobertura termoacústica, camarins e palco amplo (Fotos: Divulgação)

Valença – Quem chega a Valença se depara com uma triste realidade. O Teatro Rosinha de Valença abandonado e desmoronando. Um pedaço da cultura de Valença em ruínas. Mas agora, felizmente, depois de anos abandonado, foram iniciadas, na segunda semana de novembro, as obras para reforma e ampliação do local, que há 15 anos estava largado aos efeitos do tempo e vinha se deteriorando.
O teatro será totalmente revitalizado e novas áreas de atividades serão construídas. Atualmente o teatro conta apenas com 304.80 m² e após a ampliação dobrará de tamanho passando a contar com 765.82 m². O novo teatro, que tem previsão de inauguração para junho do ano que vem, disponibilizará agora, entre outras novidades, de sala de ensaio, museu, cafeteria, cobertura termoacústica, camarins e palco amplo.
A reativação do teatro sempre foi um dos grandes objetivos da Prefeitura de Valença que sempre primou por trazer a história da cidade de volta aos valencianos. Outro objetivo é realizar mais eventos culturais à população e estimular a expressão artística.
Será investido na obra aproximadamente R$ 1,2 milhão.
– Esse trabalho foi possível graças à sensibilidade do governador Pezão. E juntos articulamos a entrada da reforma do teatro no Programa Somando Forças, que contemplou Valença em 2014. Esse era um desejo antigo da população e o Governo do Estado entendeu e foi solidário. Também registro o empenho do prefeito Álvaro Cabral nessa conquista. A volta do Teatro Rosinha de Valença significa o fortalecimento da cultura em Valença e o resgate de parte significante da história do município – diz o secretário de Estado do Ambiente, André Corrêa.

essa


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. É a rodovia do Contorno?

Untitled Document