>
sexta-feira, 1 de julho de 2022 - 00:28 h

TEMPO REAL

 

Capa / Lazer / Projeto Ballet Educação de Volta Redonda conquista prêmio

Projeto Ballet Educação de Volta Redonda conquista prêmio

Matéria publicada em 10 de julho de 2016, 10:00 horas

 


Jovens da rede pública municipal foram premiados em três categorias; ex-aluna do projeto entrou para o Ballet do Theatro Municipal do Rio

Volta Redonda/Rio – O projeto Ballet Educação, da Secretaria Municipal de Educação (SME) de Volta Redonda, foi muito bem representado durante o Prêmio Carioca na Dança, realizado na última semana, no Teatro Liceu de Artes e Ofícios, na Praça XV, Centro do Rio. Jovens participantes do projeto conquistaram 1º, 2º e 3º lugares em três categorias do prêmio. Segundo a coordenadora e professora do projeto, Izabel Santos Leal, os grupos estavam ensaiando desde o início do ano para participar do evento.

– Essa é a primeira edição do Prêmio Carioca na Dança e conseguimos um ótimo resultado. Dos cinco trabalhos inscritos, fomos premiados com três – diz Izabel, lembrando que o Projeto Ballet Educação levou 23 jovens, de 9 a 14 anos, para a apresentação no Rio.

As bailarinas Alícia Miranda da Cruz Ávila e Kamilly Cristina do Carmo Teixeira, que cursam o 4º ano do Ensino Fundamental na Escola Municipal Professora Antonietta Motta Bastos, conquistaram o 1º lugar na modalidade Duo Clássico Livre Infantil, com a coreografia “Brincadeira das Meninas”, sob a supervisão da professora Melissa.

Com a coreografia “Meu Jardim” e supervisionados pela professora Maria Carolina, 10 bailarinas estudantes do Ensino Fundamental da Rede Pública conseguiram a segunda posição na categoria Grupo Clássico Livre Infantil. São elas: Maria Eduarda Lira Ferreira Gomes (4º ano, E. M. Amaral Peixoto); Maria Gabriela da Cunha Silva (8º ano, E. M. Pref. Juarez Antunes); Maria Gabriela Lima de Oliveira (5º ano, E. M. José Fontes Torres); Nathaly Victória Saito de Lima (5º ano, E. M. Pará); Raquel Tibúrcio Machado (4º ano, E. M. Bahia); Vanessa Sperandio Trindade (4º ano, E. M. Pará); Ana Beatriz Alves Tenório (5º ano, E. M. José Fontes Torres); Júlia Moura Carvalho (5º ano, E. M. Prof. Wladir de Souza Telles); Beatriz Gomes de Medeiros (5º ano, E. M. John Kennedy); e Maria Eduarda de Lima Silva (4º ano, E. M. Graciema Coura).

O Projeto Ballet Educação conquistou ainda a terceira colocação na modalidade Grupo Contemporâneo Juvenil, apresentando a coreografia “Frente a Frente”, supervisionada pela professora Lissiana. Os jovens bailarinos que conquistaram o feito foram: Fernanda Barboza Mantovanelli (9º ano, Colégio Getúlio Vargas); Íris Eduarda Peixoto Silva (8º ano, Colégio João XXIII); Eduardo Bento da Silva (9º ano, E. M. Espírito Santo); e Leandra de Souza Alves (9º ano, Colégio João XXIII).

Do projeto para o Ballet do Theatro Municipal do Rio

Anna Beatriz Marques, ex-aluna do Ballet Educação, foi selecionada recentemente para integrar o corpo de baile do Ballet do Theatro Municipal do Rio de Janeiro. Anna participou da temporada do espetáculo “O Lago dos Cisnes”, apresentado no mês de junho. O Ballet do Theatro Municipal tem direção artística das premiadas bailarinas Ana Botafogo e Cecília Kerche.

A bailarina Anna Beatriz, que iniciou sua carreira no Projeto Ballet Educação, é de Volta Redonda e atualmente cursa o 2º técnico da Escola Estadual de Dança Maria Olenewa (EEDMO), uma das mais tradicionais escolas de dança brasileiras, fundada há 89 anos.

Projeto

Implantado pela SME em 2005, o Ballet Educação tornou-se um referencial e fator de transformação na vida de seus bailarinos, alunos matriculados na rede municipal de ensino. O projeto visa promover o desenvolvimento global de crianças e jovens, através da prática da dança de formação clássica.

Além dos prêmios conquistados em diversos festivais de dança, o Projeto Ballet Educação tem alunas que agora são profissionais e bailarinas que continuam seus estudos na Escola Estadual de Dança Maria Olenewa (RJ) e na Escola do Teatro Bolshoi no Brasil (SC).

O Ballet Educação é supervisionado pela coreógrafa e professora Izabel Santos Leal e as aulas são ministradas por professoras especializadas. Os alunos do Projeto Educação já apresentaram espetáculos baseados nos principais balés de repertório como: “Cinderella”, “O Quebra-Nozes”, “A Bela Adormecida”, “A Flauta Mágica” e “Les Sylphides”, entre outros, e espetáculos didáticos como “Pedro e o Lobo” e as “Galas”.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. parabéns a todos pela conquista!

Untitled Document