quinta-feira, 27 de janeiro de 2022 - 11:49 h

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Alerj entrega cheque para Hospital Regional

Alerj entrega cheque para Hospital Regional

Matéria publicada em 22 de maio de 2016, 17:10 horas

 


O presidente da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani, o secretário estadual de Saúde, Luiz Antônio de Souza Teixeira Junior, os deputados federais Deley de Oliveira (PTB) e Alexandre Serfiotis (PMDBO, e estaduais Nelson Gonçalves (PSD) e Edson Albertassi (PMDB), entre outros convidados, estarão nesta segunda-feira (23), às 14h, no Hospital Regional do Médio Paraíba Drª Zilda Arns, em Volta Redonda para a entrega dos R$ 4 milhões doados pela Alerj ao (Conselho Intermunicipal de Saúde do Médio Paraíba), para a conclusão da unidade.

***

No dia 9 de maio, Picciani, Teixeira e os parlamentares visitaram o Hospital Regional, que estão com 93% das obras prontas, e garantiram a Neto e aos prefeitos que integram o Cismepa que fariam um esforço concentrado para conseguir a verba que faltava para a conclusão das obras civis da unidade, que representam um investimento de cerca de R$ 70 milhões.

***

Outros R$ 50 milhões serão investidos para equipar o Hospital Regional, que deve atender cerca de 1,2 milhão de pessoas dos 12 municípios que integram o Cismepa. 

O hospital

O Hospital Regional do Médio Paraíba Drª Zilda Arns está sendo construído às margens da Rodovia Presidente Dutra, no Bairro Roma, em Volta Redonda. A unidade está numa área de 54.000 m² e terá 26.000 m² de área construída. O atendimento será por demanda referenciada para as cirurgias de alta complexidade em neurocirurgia, traumato ortopedia, oftomológica, bariátrica, transplantes de rins e de córneas. O hospital terá 229 leitos, sendo 47 de UTI e 50 de UI, e um Centro Cirúrgico com seis salas para as cirurgias de alta complexidade. O ambulatório contará com dez consultórios e três salas para pequenas cirurgias e endoscopias. O HMR já recebeu a doação de 150 leitos e 1 aparelho de ressonância magnética do governo estadual.

Candidatura  em Valença

Com a participação do ministro do Esporte, Leonardo Picciani, diversos membros do PMDB se reuniram em Valença, neste sábado (21) para discutir o lançamento de candidatura própria a prefeito. O nome do partido para concorrer à prefeitura é o do engenheiro agrônomo Ciro Guimarães. Ex-presidente da Câmara Municipal, o peemedebista se destacou como secretário de Meio Ambiente do município.

Problemas

Uma das principais reclamações de moradores da cidade é referente ao abastecimento e tratamento de água, que atualmente é responsabilidade da Companhia Estadual de Águas e Esgotos do Rio de Janeiro (Cedae).

A coleta de lixo é outro problema comum, especialmente devido ao alto valor cobrado pela empreiteira responsável. Atualmente, a prefeitura paga R$ 1,2 milhão pelo serviço, o que compromete boa parte da arrecadação da cidade, que é de R$60 milhões.

Olimpíadas

As Olimpíadas serão realizadas em agosto na capital, Rio de Janeiro, mas muitas cidades fluminenses poderão se beneficiar do evento, como lembra Picciani. E locais turísticos, como Valença, estão dentro deste roteiro. Com isso, o comércio acaba se intensificando. “Pela primeira vez, os Jogos olímpicos serão realizados na América do Sul. E, além da retomada da confiança, eles também trarão turistas ao Rio, que acabam indo conhecer o interior do Estado: Valença, Rio das Flores, Conservatória. Nossa tarefa no ministério é ajudar a criar esse ambiente em todas as áreas”, afirmou Picciani.

Inclusão

O ministro lembrou ainda da importância do esporte como fator educacional e de inclusão social e crescimento humano. “Por isso, temos que investir mais na área. Essa é nossa prioridade política”, comprometeu-se Picciani.

Academias

Um dos assuntos mais lembrados foi o da academia nas praças, além de outros projetos para melhoria de qualidade de vida da população. Rômulo Milagres, pré-candidato a vereador de Valença, falou sobre a importância disso em algumas localidades. “Valença precisa ter o olhar para o jovem. O esporte faz esse papel, de tirar essas pessoas das drogas. Há uma quadra no distrito de Santa Isabel, mas é de entidade particular. Academia de ginástica foi prometida, mas não chegou lá. Escureceu, não tem nada para fazer no distrito, a não ser os bares”, disse Milagres.

Nominata

Com cerca de 300 espectadores presentes, o evento no Clube dos Democráticos reuniu diversas autoridades do partido e de outras legendas. A partir do que foi discutido, o PMDB deverá ter em torno de 20 candidatos a vereador na cidade de Valença.

Bolsa

Famílias de Barra Mansa beneficiadas pelo Bolsa Escola Municipal participaram na manhã deste sábado (21), no Centro de Lazer Feliz da Vida, do Santa Rosa, da abertura anual do programa realizada pelo prefeito Jonas Marins (PC do B). Também participaram da cerimônia a secretária municipal de Assistência Social e Direitos Humanos, Maria José Cezar, a gerente do Bolsa Escola,  Fátima Viana, a subsecretária municipal de Educação, Luciana de Sá e o vereador Chris Vieira. O programa Bolsa Escola Municipal é único na região Sul Fluminense. Atualmente tem 388 famílias inscritas e 218 beneficiadas, que recebem mensalmente R$ 440.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document