quarta-feira, 1 de dezembro de 2021 - 01:10 h

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Bolsa sem mensalidade

Bolsa sem mensalidade

Matéria publicada em 6 de outubro de 2015, 19:55 horas

 


A Câmara Municipal aprovou nesta terça (6), por unanimidade, um decreto legislativo que anula a decisão do prefeito Antônio Francisco Neto (PMDB) que havia retirado o pagamento de complemento de bolsa de estudo a servidores públicos que estudam ou têm dependentes estudando em instituições públicas de ensino superior.

***

Neto retirou o benefício porque, segundo ele, o pagamento é incompatível com a própria lei que o criou, já que instituições públicas de ensino não cobram mensalidades e, portanto, não há bolsas de estudo a complementar.

***

A decisão de Neto atingia cerca de 160 servidores e mantinha a ajuda para aproximadamente outros mil, que estudam ou têm dependentes em instituições particulares de ensino.

***

Os vereadores Nilton Alves de Faria, o Neném (PC do B), América Tereza (PMDB) e Francisco Novaes (PP), não compareceram à sessão.

***

A informação é do vereador Fernando Martins (PSDC).

 

A caminho I

O vereador Maurício Batista esteve presente na entrevista coletiva do vereador Dinho (PSC). Ele afirmou que foi ao local por engano, imaginando que o assunto era o decreto legislativo. Mas ficou e aproveitou para elogiar Dinho, que o convidou para se mudar para o PSC. Segundo ele, as conversas estão bem adiantadas.

 

A caminho II

O presidente do PSC, Thiago Martins, também deu a entender que Maurício Batista deve se filiar à legenda. Com os vereadores Jerônimo e Dinho (ambos do partido do peixinho) na sala, ele respondeu á pergunta de um repórter dizendo que naquele momento, havia dois vereadores “com ficha assinada no PSC” na sala. Para bom entendedor…

 

Contas

Dinho afirmou, durante a entrevista em que descartou a candidatura á reeleição, que é importante passar logo essa informação por causa da nominata. Explica-se: um candidato a vereador precisa avaliar quantos colegas “bons de voto” há no partido pelo qual vai concorrer porque, embora um ajude o outro na hora de atingir o coeficiente eleitoral, no fim das contas eles competem entre si, porque os mais votados é que levam as vagas obtidas pela legenda.

Medidas I

Um mês após assumir a diretoria executiva do Fundamp (Fundo de Assistência Médica Permanente dos Servidores Públicos Municipais de Barra Mansa), Paulo César Alves anunciou um pacote de novos serviços e o aumento de vagas para consultas com especialistas. Ele também disse que já conseguiu reduzir as filas físicas para marcação de consultas.

 

Medidas II

Ainda segundo o diretor, as especialidades mais requisitadas (Ginecologia, Ortopedia, Oftalmologia e Cardiologia) tiveram aumento de 100% no número de vagas disponíveis.

 

Pronto atendimento

Uma das metas do novo diretor executivo é implantar o pronto atendimento no Fundamp. A expectativa é que em novembro o serviço já esteja à disposição dos usuários. Com o novo serviço, a instituição deve economizar 40% dos custos mensais.

 

Gaiatice

Um observador do cenário em praticamente todas as prefeituras pela região e pelo Brasil disse que todas as cidades deveriam adotar o nome do município paulista de Pindamonhangaba, para que todos pudessem dizer que vivem em Pinda. Pinda… …íba.

 

Cooperação I

Um acordo de cooperação técnica entre cinco secretarias estaduais, a Câmara Metropolitana e a Fundação Ceperj foi assinado nesta terça-feira (6), com o objetivo de formar uma parceria destinada ao desenvolvimento conjunto de instrumentos de planejamento territorial e gestão pública regional e municipal.

 

Cooperação II

O acordo foi assinado pelo governador Luiz Fernando Pezão com as secretarias de Planejamento e Gestão, Governo, Ambiente, Desenvolvimento Econômico e Desenvolvimento Regional, com a Câmara Metropolitana e com a Fundação Ceperj.

 

Objetivos

Na ocasião, a secretária de Estado de Planejamento e Gestão, Cláudia Uchôa, explicou os objetivos do acordo, que são racionalizar recursos públicos por meio do compartilhamento de tecnologias, infraestrutura e banco de dados; potencializar os resultados da ação governamental no território estadual; e promover o intercâmbio entre setores da administração municipal e o planejamento estadual para a construção de uma agenda de planejamento e gestão pública interfederativa com os municípios.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document