terça-feira, 15 de junho de 2021 - 07:35 h

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Encomendas da Marinha para estaleiros do Rio

Encomendas da Marinha para estaleiros do Rio

Matéria publicada em 31 de maio de 2021, 19:23 horas

 


A perspectiva de geração de empregos com a construção de fragatas e navios-patrulha para a Marinha nos estaleiros do estado animou a Comissão Especial de Indústria Naval e Offshore da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), presidida pela deputada Célia Jordão (Patriota).

***

A possibilidade de negócios em território fluminense foi apontada nesta segunda-feira (31/05), durante visita técnica à Emgepron e ao Cluster Tecnológico Naval, no Centro do Rio.

***

Na apresentação, representantes da empresa pública que faz a gestão de projetos navais informaram que a Marinha precisa de 12 fragatas.

***

Dessas, quatro já estão sendo construídas em Santa Catarina, com até 40% de contratação de conteúdo local.

***

As demais obras podem ser trazidas para o Rio de Janeiro, com potencial contratação de profissionais no estado.

Capacidade

“Temos a capacidade de inteligência e de produção aqui, e 90% do comércio acontece pelo mar. Trazer essas obras para cá demanda um esforço conjunto nosso e do Governo do estado. A economia do mar é fundamental para o desenvolvimento do Rio de Janeiro, que tem plena condições de se reestruturar para crescer”, afirmou o diretor-presidente da Emgepron, almirante Edesio Teixeira.

Interlocução

A deputada Célia Jordão ressaltou que o trabalho da comissão tem sido justamente fazer a interlocução de atores do setor com o Governo, para contribuir na elaboração de um plano de gestão regional que impulsione a economia do mar no estado. “Na visita ao Cluster Tecnológico, vimos boas perspectivas com a construção dessas novas fragatas e navios-patrulha, que vem ao encontro com tudo que a comissão busca, que é a geração de trabalho e renda para o estado do Rio de Janeiro”, disse a deputada. Também estava presente na visita o deputado Waldeck Carneiro (PT), membro da comissão.

Empenho

Ex-comandante da Marinha, o almirante de esquadra Ilques Barbosa Júnior destacou que é urgente que lideranças políticas se empenhem na retomada da indústria naval no Rio de Janeiro. “Não temos mais tempo a perder. Ficar inertes é um risco enorme para o desenvolvimento do nosso país. É uma situação de segurança econômica. É preciso haver investimento em ciência, educação e presença do estado para mudança desse momento. Do contrário, as grandes empresas vão continuar indo embora. Sem mobilidade, sem segurança e sem investimentos, não têm empregos”, alertou.

Guarda Ambiental

Montado em 1999, o Grupamento Ambiental da Guarda Municipal de Resende precisa de melhores condições de trabalho, segundo o presidente da Câmara de Vereadores, Reginaldo Engenheiro Passos (Podemos). O parlamentar é o autor de uma indicação recente à Prefeitura nesse sentido, pedindo a criação de uma base fixa para a Guarda Ambiental, uma vez que a atual, segundo ele, foi improvisada. “O posto atual da Guarda Civil Ambiental é uma antiga escola desativada na localidade da Vargem Grande, mas o espaço precisa de pintura, telhado, instalação de forro, revisão hidráulica e elétrica etc.”, explica o vereador.

Fardas

Na mesma indicação, ele pede, ainda, que seja atendida a reivindicação da categoria para o fornecimento de fardas, uma vez que, até o momento, a compra é feita pelos guardas com recursos próprios. “Com melhores condições de trabalho, os guardas se sentirão mais valorizados e a tendência é de que até mesmo a qualidade dos serviços prestados melhore”, avalia Reginaldo.

Busca ativa

Resende poderá contar com mais uma arma no combate à pandemia. A Câmara aprovou indicação apresentada pela vereadora Soraia Balieiro (PSD), que solicita a criação de uma ‘Busca Ativa Covid-19’. Através da iniciativa, seria criada uma força tarefa municipal para visitar todos os bairros e distritos do município, a fim de encontrar quem já está ou passou pelas fases de grupos de vacinação e ainda não foi imunizado.Conforme explica a parlamentar, a proposta é que servidores públicos que atuam nos bairros ajudem a identificar aqueles que não iniciaram e/ou completaram o esquema vacinal.

Vacinação

A vereadora Soraia Balieiro também aprovou indicação solicitando estudo de viabilidade para antecipação do grupo com idade abaixo de 59 anos para logo após os grupos prioritários de comorbidade e deficientes no Plano Municipal de Vacinação contra Covid-19. A proposta se deve em razão do aumento recente no número de mortes e internações entre pessoas na faixa dos 40 e dos 50 anos.

Totem

A Praça Zefferino de Oliveira, no bairro Paraíso, mais conhecida como Praça do Balanço (onde era realizado, anualmente, o tradicional Arraial do Fogueirão), pode receber um totem de Segurança, nos mesmos moldes dos que foram implantados em outros pontos estratégicos da cidade, como na Avenida Coronel Mendes, no Manejo, e no Calçadão de Campos Elíseos. A proposta tem como autor o vereador Professor Wilson (PL), cuja indicação foi aprovada pela Câmara. Para o parlamentar, a medida pretende elevar o grau de segurança de moradores e comerciantes.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document