domingo, 22 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / José Augusto reafirma necessidade de se diminuir RPA

José Augusto reafirma necessidade de se diminuir RPA

Matéria publicada em 22 de agosto de 2019, 20:36 horas

 


O vereador Jose Augusto (PDT), de Volta Redonda, reafirmou em entrevista ao DIÁRIO DO VALE, a necessidade de se diminuir a irregularidade de contratações por RPA na prefeitura de Volta Redonda.

***

Em áudio que circulou pelas redes sociais, José Augusto disse que era preciso aprovar o projeto de lei do prefeito Samuca Silva que reduz de três mil para 750 cargos de livre nomeação.

 

Áudio

– Eu disse no áudio: precisamos regularizar a vida das pessoas com a aprovação da Mensagem sobre o fim do RPA. E eu penso assim mesmo. Não é justo as pessoas estarem há vinte anos sem ter direito a férias, 13° salário e outros. Parece que a campanha eleitoral já começou e mostra que será uma campanha suja – disse Zé Augusto.

 

Redução

Como mostrou o DIÁRIO DO VALE, o objetivo da prefeitura é reduzir de três mil para 750 o número de cargos de livre nomeação. O restante das vagas será preenchido através de concursos públicos.

 

Populismo

“Não podemos nesse momento fazer populismo. Precisamos votar essa Mensagem e acabar com as irregularidades. A política de Volta Redonda viveu por um longo tempo sem encarar a legalidade dos atos. Isso fez o errado virar certo e o certo virar errado”, destacou.

 

Empréstimo

Uma outra mensagem cuja aprovação é defendida por José Augusto é sobre o pedido de convênio com a Caixa Econômica Federal de R$ 80 milhões para ser investido em asfalto, iluminação, reforma de calçadas e outros.

 

Aço humanizado

Durante conferência no Congresso Aço Brasil 2019, o empreendedor e coautor do livro Fundamentos do Capitalismo Consciente, Thomas Eckschmidt, defendeu que os empresários precisam trabalhar de forma sistêmica e coletiva para buscar o crescimento do negócio e a melhoria da qualidade de vida de todos os agentes envolvidos na atividade, inclusive o meio ambiente.

 

Lucro

De acordo com ele, quem adere à prática, lucra mais. Durante sua fala, Eckschmidt apresentou pesquisa que comparou o desempenho de empresas na bolsa de valores no período de 1998 até 2013. Em média, o resultado das companhias foi de 160%. “Só que as empresas humanizadas que praticam esses fundamentos geram resultados 10 vezes superiores, de 1600%, em 15 anos”, ilustrou.

 

União

“Trabalhar junto” é a expressão chave para Eckschmidt. Segundo ele, quando há preocupação do empresário em respeitar e garantir que o trabalho seja saudável para todos os stakeholders, o lucro costuma ser maior a longo prazo, além de garantir um crescimento responsável e saudável dos negócios. Não é à toa que as cooperativas crescem 20% ao ano, enquanto empresas formais crescem 5%, segundo Eckschmidt.

 

Liderança

O palestrante reforçou que a liderança eficiente de um grupo não é mais aquela figura imponente. Agora, o importante para as empresas e para os negócios é ter alguém que esteja preocupado, de fato, com o próximo e com o restante dos afetados pelo negócio. “Líder não é mais o cara que está lá na frente. É o cara que fica no meio, que inspira”, afirmou.

 

Competitividade

Sobre a competitividade, o especialista reafirmou que é preciso repensar as formas de competição não saudáveis e trabalhar o termo “cooperatividade”. “Tem que competir e cooperar, ter eficiência e participação, individualidade e coletividade, resultado financeiro e criação de valor, trabalhar o egocêntrico e o ecocêntrico. É ser capitalista e comunista. A gente tem que equilibrar o ambiente”, recomendo.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    O vereador que está há décadas na CMVR é um dos principais responsáveis por esse RPA. Por que não cobrou e mudou antes?

    Bom saber que já temos um vereador que vai aprovar os empréstimo, essa pouca vergonha em VR.

    O Samuca terá 80 milhões para trabalhar em apenas 01 ano, já que não poderá inaugurar nenhuma obra no segundo semestre de 2020, ou seja, dificilmente acontecerá algo até julho de 2020. Imagine para onde irá parte desse empréstimo?

    Esse empréstimo nos faz lembrar os 60 milhões que o Paiva do PT apoiado pelas igrejas estava louco para colocar as mãos antes da campanha de 2016, para aplicar no Arco das Centralidades, que o Samuca descobriu que não havia nenhum projeto.

  2. Avatar

    Boa noite tem acabar com os que ganha muito, mais não o pobre que trabalha pára ganha 1.500 esse quer e prejudicado porque não estudou. Acaba como muitos cargos comissionados muitos puxam de vereadores, tem alguns que até já aposentados está com o bolso cheio só humilhando os funcionários de carreiras dentro da prefeitura, e vereadores e prefeitos ano quê vê tem eleição tudo vai para mintia tudo vê atona. Cadê o fundo dê garantia dos servidores cadê o pagamento no final dó mês tem muitos caisa pôr traz disso tudo.

  3. Avatar

    Você falou em populismo certo ou errado. Mais sobre a OBRA DA VILA DOS IDOSOS NO BELMONTE em VOLTA Redonda vocês vereadores e prefeito não falam para o povo da Região ficarem sabendo. Nem os prefeitos da REGIÕES ficam sabendo para poderem ajudar os IDOSOS e IDOSAS da Região que foram prejudicados com estás suas atitudes

Untitled Document