sábado, 7 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Lamenta

Lamenta

Matéria publicada em 26 de novembro de 2015, 20:54 horas

 


O deputado estadual Nelson Gonçalves (PSD) lamentou, na tarde desta quinta-feira, a morte do médico ortopedista Walter Burguer, de 89 anos, que foi secretário de saúde e presidente da Fundação Educacional De Volta Redonda (Fevre), durante a administração do ex-prefeito Nelson Gonçalves.

***

Na lista de realizações ao lado do então prefeito Nelson Gonçalves, o médico Walter Burguer fica conhecido na história por introduzir o ensino musical, que deu origem à banda, ao coral e a orquestra da Fevre, existentes até hoje.

***

A parceria entre o ex-prefeito Nelson Gonçalves e o médico Walter Burguer, resultou ainda na construção do Pronto Socorro do Aterrado, em 1976, atualmente conhecido como Cais Aterrado, cujo objetivo, na época era atender casos de urgência médica na cidade.

 

Esporte

Para os amantes do esporte, Walter Burguer também deixa saudades: o médico foi fundador e o primeiro presidente do Voltaço. O corpo do médico Walter Burguer será cremado na tarde desta sexta-feira (27), às 15 horas, no Rio de Janeiro.

 

Presente

O município de Angra dos Reis ganhou mais um novo empreendimento comercial e com isso a geração de cerca de 120 novos empregos diretos e indiretos. Uma loja que inaugurou nesta quinta-feira (26), sua unidade da rede no Shopping Piratas, doou 1,5 mil peças de roupa e calçados que serão repassadas a grupos em vulnerabilidade social, como as pessoas assistidas pelos sete Centros de Referência de Assistência Social (Cras), além do Centro de Apoio à População de Rua (CAPR), Casa Abrigo e população indígena. O presente foi entregue simbolicamente na forma de um troféu à secretária municipal de Assistência Social, Neuza Nardelli.

 

Encareceu

As despesas de brasileiros no exterior despencaram. Em outubro, o valor em dólar foi 52% inferior ao registrado no mesmo mês do ano passado. E a culpa é do câmbio. Cada dólar gasto lá fora custa mais reais no Brasil.

 

Exemplo

Um brasileiro que comprou uma jarra de draft beer – o chope dos americanos – por US$ 4 nos EUA estava fazendo uma despesa de R$ 10,13 em 25 de outubro do ano passado. Este ano, considerando que a jarra não mudou de preço, o turista desembolsaria R$ 15,43 pelo mesmo item. Isso considerando o dólar comercial. É para qualquer um pensar antes de tirar o cartão do bolso.

 

Em compensação

Os turistas estrangeiros podem gastar mais aqui, porque cada dólar deles vale mais reais aqui. Para comprar um chopinho por R$ 7 no mês passado, o americano estaria desembolsando cerca de US$ 1,81. Considerando que esse chopinho custasse menos – R$ 6, por exemplo – em outubro de 2014, o gringo gastaria US$ 2,36 pela mesma bebida. Ou seja, com a mesma quantidade de dólares, ele beberia mais aqui.

 

Recurso

O Governo do Estado poderá utilizar até 70% do Fundo de Depósitos Judiciais do Tribunal de Justiça (TJ) para pagamento de aposentados e pensionistas, servidores, precatórios e dívidas, como determina a Lei Complementar Federal sancionada pela presidente Dilma Rousseff em agosto deste ano.

 

Autorização

O uso dos recursos em meio à crise financeira será possível com a aprovação, nesta quinta-feira (26), em discussão única, do projeto de lei 1.137/15, que autoriza a criação dos fundo necessário para a implementação da nova legislação federal. Segundo o governo, a medida deverá permitir uma transferência de cerca de R$ 700 milhões para os cofres do Estado.

 

Acordo

De autoria do Executivo, o projeto foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) depois de um acordo feito entre os deputados, que retiraram emendas para que a proposta possa entrar em vigor o quanto antes, auxiliando no pagamento de servidores estaduais.

 

Novembro azul

A Santa Casa de Misericórdia de Barra Mansa, em parceria com o GAPC (Grupo de Apoio a Pessoas com Câncer), realizou nesta quarta feira (25), uma ação em alusão à campanha ‘Novembro Azul’. O evento contou com uma abordagem direta, por meio de panfletagem, aos funcionários da Santa Casa, e ao público. A ação também contou com a presença da Trupe Doutoraço do Riso, que usou o bom humor para realizar a abordagem sobre a importância da prevenção contra o câncer de próstata.

 

Limpando o nome

O feirão “Nome Limpo, Crédito Forte” promovido pela CDLs de Angra dos Reis, Barra Mansa e Volta Redonda terminou na quinta-feira (26) com saldo positivo. O objetivo do projeto é recuperar o crédito da população, pensando nas vendas de final de ano. Os consumidores que possuem dívidas serão encaminhados aos estabelecimentos que constam o débito para renegociá-las diretamente com o credor. Segundo Maria Auxiliadora de Ávila Marcelino, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Volta Redonda (CDL-VR) a ação superou as expectativas, pois o sucesso de público foi maior do que no ano passado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document