Mosaico 12.03

by Diário do Vale

O governador Luiz Fernando Pezão voltou a negar ontem ter se reunido com o ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa para solicitar recursos para campanha eleitoral. Pezão afirmou que a delação premiada é um recurso importante para investigações, mas defendeu “mais apuração”.

*

– A gente lutou muito para ter esses órgãos de fiscalização, Justiça com independência, e eu respeito muito. Só que as pessoas não podem jogar essas afirmações no ar, sem provas. Trinta milhões de reais não caem do céu. Tem que provar o que falou. Eu acho que tem de haver mais cuidado, mais apuração – defendeu.

*

Pezão disse mais uma vez que está à disposição do Ministério Público e Justiça.

*

– Até hoje eu não fui comunicado de nada. Não chegou nada oficial para mim, e essa conversa eu não tive. Desde o primeiro momento, me coloquei à disposição para prestar esclarecimento ao STF, STJ, Ministério Público. As pessoas que conhecem minha vida sabem que eu não participo de coisas como essas – destacou o governador.

 

Cruzando a baía

Pezão também participou ontem da inauguração da barca Pão de Açúcar, o primeiro dos sete novos catamarãs comprados na China que vão operar no trajeto Rio-Niterói.

A viagem inaugural partiu da estação Arariboia em direção à Praça XV, no centro do Rio de Janeiro, e contou com a presença do governador Luiz Fernando Pezão, do secretário de Transportes, Carlos Roberto Osorio, do presidente da CCR Barcas, Marcio Roberto de Morais Silva, e de passageiros.

Barco novo

A embarcação chegou ao Rio de Janeiro no fim de dezembro. Durante este período, para a circulação da nova barca, foram realizadas adaptações de píeres e de itens de segurança às normas brasileiras, construção de flutuantes nas estações Praça XV e Arariboia e treinamento prático e teórico da tripulação.

O novo catamarã – que recebeu investimento de R$ 32 milhões – tem capacidade para até 2 mil pessoas e conta com sistema de ar-condicionado, acessibilidade plena e espaço para cadeirantes, bicicletários, 18 banheiros, sistema de TV e duas proas.

Viagem

Com a nova embarcação, o tempo de travessia entre Rio de Janeiro e Niterói foi reduzido de cerca de 22 para 15 minutos. A ideia é que o novo catamarã realize aproximadamente 12 viagens por dia, seis no período da manhã e seis na parte da tarde.

Convênio

O governo estadual firmou ontem convênio de cooperação com o Estaleiro EISA/Niterói (antigo Estaleiro Mauá) para a oferta de estágios a alunos da Escola Técnica Henrique Lage, em Niterói. O acordo, assinado pelo governador Luiz Fernando Pezão, pelo secretário de Ciência e Tecnologia, Gustavo Tutuca, pelo presidente da Faetec, Wagner Victer, e pelo presidente do Estaleiro, Sérgio Paez, vai preparar os estudantes da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) para o mercado de trabalho do setor naval.

De volta ao Sistema

A usina nuclear Angra 1 foi sincronizada ontem ao Sistema Interligado Nacional – SIN, às 11h 32min.

O último desligamento ocorreu no dia 19 de fevereiro, às 00h 22min, devido a problemas técnicos nos condensadores de vapor das turbinas do circuito secundário.

O retorno de Angra 1 ao SIN, inicialmente previsto para o dia 13 de março de 2015, foi antecipado para hoje em função do rápido processo de purificação ocorrido na água do sistema secundário da Usina.

A água do sistema secundário gera o vapor que movimenta as turbinas produtoras de energia. Ela tinha sido contaminada com água do mar.

Convite

O deputado federal Deley de Oliveira (PTB) convidou o Ministro da Saúde, Arthur Chioro, a visitar Volta Redonda.

Em especial, quer que o ministro conheça o complexo de saúde montado pela prefeitura de Volta Redonda no Estádio da Cidadania.

Pela barriga

Para ajudar a convencer o ministro, Deley disse que pedirá a Dona Munira – mãe do prefeito Antônio Francisco Neto (PMDB) – para preparar o famoso almoço de comida árabe.

No que o ministro não perdeu tempo: “Essa comida é famosa. Aliás, é por isso que o prefeito Neto é gordinho, né?”.

Errata

Diferente do que foi publicado na edição desta quarta-feira do DIÁRIO DO VALE, quando a prefeitura de Resende informou que Carlos Walquir Rocha, de 62 anos, morreu na madrugada do último dia 3, vítima de dengue, a morte ocorreu na madrugada do último dia 10. A informação foi corrigida ontem pela própria assessoria de imprensa da prefeitura, que enviou uma nota à imprensa informando o erro.

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996