quinta-feira, 19 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Parlamento juvenil

Parlamento juvenil

Matéria publicada em 18 de março de 2018, 06:00 horas

 


foto mosaico
“Um líder aprende a ser líder. A partir das suas experiências na vida, ele vai se transformando num líder competente”. A frase é de Leonardo Coelho, 17 anos, representante de Vassouras na 11ª edição do Parlamento Juvenil da PJ/Alerj.
*
Na quinta-feira (15), os parlamentares juvenis participaram de um curso de Formação e Liderança, ministrado pela subdiretora-geral do Fórum Permanente de Desenvolvimento Estratégico do Rio, Geiza Rocha.
*
No curso, a palestrante apresentou diferentes tipos de liderança e técnicas para auxiliar os participantes a desenvolver a capacidade de coordenar. “É interessante que a gente consiga mapear os desafios, reconhecer os desafios ali presentes, para saber a melhor forma de lidar com as pessoas lideradas”, explicou Geiza.
*

Júlia Barbosa, 17 anos, foi eleita representante da cidade de Porto Real pela segunda vez. A adolescente destacou a importância do curso para os parlamentares juvenis: “É importante saber liderar para favorecer o bem estar maior da sociedade. Nós queremos passar esses conceitos que aprendemos aqui para os outros jovens das nossas cidades, e ampliar o espaço de atuação da juventude”.
*
O coordenador do projeto, deputado Wanderson Nogueira (PSol), também esteve presente na palestra. “Acima de tudo, liderança é ter como mais importante não o seu próprio nome, mas os legados que as suas ações deixam. Nós queremos preparar esses jovens líderes para enfrentar as questões políticas e batalhar por suas causas”, declarou.

Reuniões
À tarde, os parlamentares juvenis participarão de reuniões nas comissões da Assembleia Legislativa. Em seguida, visitarão o Pão de Açúcar.
O encerramento do projeto aconteceu na sexta-feira (16), às 9h, no Plenário Barbosa Lima Sobrinho, com a votação dos projetos de lei escritos pelos próprios participantes.
Os três projetos mais votados serão encaminhados para apreciação do governador Luiz Fernando Pezão.

Aliás
Além da votação, o evento também irá premiar os campeões do Concurso da Bandeira do Parlamento Juvenil.
O primeiro colocado ganhará um notebook, um smartphone e um tablet, e suas escolas receberão um laboratório de informática totalmente equipado.

Título de eleitor
Os eleitores que estão com o título cancelado têm até 9 de maio para regularizar sua situação eleitoral, prazo que vale também para quem precisa tirar a primeira via do documento, transferir o domicílio ou solicitar mudança para uma seção de fácil acesso.
O agendamento do atendimento pode ser feito pela internet, no site do TRE
Vale lembrar também que quem completar 16 anos até o dia do primeiro turno (7 de outubro) já pode tirar o título.

Biometria
No estado do Rio, atualmente o cadastramento biométrico é obrigatório apenas nos municípios de Queimados (prazo final em 17 de março), São Sebastião de Alto e Trajano de Moraes (ambos em 24 de março).
Nos demais municípios, mesmo quem não tiver feito o cadastramento biométrico poderá votar em outubro, desde que esteja com a situação eleitoral regular.

Teste nas urnas

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e os 27 Tribunais Regionais Eleitorais espalhados pelo país realizam até o dia 23 de março a quarta edição do Simulado Nacional de Hardware.
A ação, que começou no dia 26 de fevereiro, vai testar 4% do total das 550 mil urnas existentes. A
A ideia da Justiça Eleitoral é se antecipar a eventuais problemas no equipamento no dia das eleições.

Aleatório
Cada TRE escolhe aleatoriamente as urnas para teste, atendendo à meta estabelecida.
Os técnicos trabalham na missão de identificar eventuais falhas no hardware, que é a parte física da urna formada pelos componentes eletrônicos. Durante quase um mês, são simulados procedimentos de identificação biométrica e de votação.
Aliás
A intenção da Justiça Eleitoral é realizar o evento com mais frequência, pelo menos três ou quatro vezes antes de cada eleição.
Ainda para este ano, antes do pleito, existe a expectativa de que mais um simulado seja realizado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document