quinta-feira, 15 de novembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Parque do Ingá

Parque do Ingá

Matéria publicada em 15 de agosto de 2018, 22:43 horas

 


O secretário de Meio Ambiente de Volta Redonda, Maurício Ruiz, se reuniu nesta semana com representantes de diversas universidades para tratar sobre um programa de voluntariado do Parque Natural Municipal Fazenda Santa Cecília do Ingá, maior área verde do município.
***
Além do programa, os universitários poderão participar da construção do Plano Municipal da Mata Atlântica de Volta Redonda.
***
“O voluntariado do parque é uma iniciativa que se alinha com o movimento nacional de inserção social nas unidades de conservação. A gente vai seguir essa linha aqui em Volta Redonda lançando um cadastro municipal de voluntários para realizar todo tipo de ação dentro dos parques” disse o secretário.
***
Segundo Maurício Ruiz as ações que serão desenvolvidas através desse voluntariado vão desde o apoio na abertura e sinalização de trilhas, reformas de estruturas até na elaboração de estudos temáticos, avaliações, de zoneamento ambiental, entre outros.

‘Mão na massa’
“É uma mão na massa para ajudar o parque de todas as maneiras. Queremos fazer isso de forma coletiva e participativa. Serão dois tipos de trabalho voluntário. Um que estamos chamando de ‘voluntários mão na massa’ que é ligado às intervenções na unidade de conversação, com todo tipo de apoio na gestão da unidade e o ‘voluntário técnico’ que é aquele das universidades que vão poder colaborar na elaboração dos estudos para a gestão ambiental”, explicou o secretário.

Voluntários
Os voluntários técnicos das universidades, de acordo com o secretário, servirão para ajudar na elaboração de estudos temáticos que são fundamentais para a gestão ambiental do município como o Plano Municipal da Mata Atlântica, Plano de Manejo do Parque do Ingá e o Plano Municipal de Arborização Urbana.

Presença
Estiveram presentes na reunião representantes da FOA (Fundação Oswaldo Aranha), do UBM (Centro Universitário de Barra Mansa), do IFRJ (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio de Janeiro), da Uff (Universidade Federal Fluminense) e do Cederj (Centro de Educação Superior a Distância do Estado do Rio de Janeiro).

Integração
O prefeito Samuca Silva destacou a oportunidade de integrar os jovens com as questões ambientais do município. “A participação da população nas políticas públicas ligadas ao meio ambiente é muito importante e o engajamento dos jovens universitários será muito produtivo para eles e para a cidade”.

Presta contas I
Na noite de 9 de Agosto, a Associação de Moradores e Amigos do Bairro Açude (Amaba) promoveu a prestação de contas dos 500 dias de mandato. O presidente da Amaba, Alan Cunha, apresentou relatório detalhado com todas as ações da associação, como as atividades dentro dos conselhos municipais, festivais de prêmios que tem o objetivo de arrecadar recursos para pagar dívidas passadas das gestões anteriores.

Presta contas II
O presidente da Amaba criou uma série de homenagens a moradores antigos, familiares que tem nomes de ruas e de Praças e de entidades públicas da comunidade, lideranças comunitárias comerciais e espirituais, fizeram homenagem ao Secretário Municipal de Infraestrutura, Toninho Orestes, e também fez homenagens a moradores pioneiros ao professor Ivan dos Santos, que tem 38 anos de serviços prestados à comunidade na área de educação física.

Eventos
O Diretor Administrativo, Wellisson Carlos, apresentou a agenda da dos futuros eventos que irão arrecadar recursos financeiros para da continuação as reformas da sede e da sub-sede da Amaba, e ressaltou também da atuação dos voluntários, que tem contribuído nas reformas dos espaços físicos da Amaba no Açude I e IV.

Mulher
“Mulher sua Saúde, seus Direitos” é o nome do programa criado pelo vereador Zélio Show por meio do projeto de lei aprovado na sessão de terça-feira (14) pela Câmara Municipal de Barra Mansa. Além de propagar importantes conhecimentos acerca da saúde feminina em diferentes etapas da vida, a proposta tem como objetivo conscientizar as mulheres quanto aos seus direitos como cidadã e trabalhadora.

Cartão
O programa também prevê a criação e distribuição, através da rede de saúde, do “Cartão da Mulher” que constará identificação e informações básicas sobre consultas e exames. Após sanção do prefeito Rodrigo Drable, o prazo de regulamentação da lei será de 60 dias contatos a partir da data de publicação.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Para este programa de voluntários no parque do Ingá, poderia estar presentes também os grupos escoteiro de Volta Redonda. Assim a comunidade teria mais conhecimento sobre tal instituição e agregaria efetivo para a preservação do parque.

Untitled Document