quinta-feira, 27 de janeiro de 2022 - 08:34 h

TEMPO REAL

 

Capa / Mosaico / Sessão adiada

Sessão adiada

Matéria publicada em 22 de julho de 2016, 21:25 horas

 


O presidente da comissão processante que investiga o prefeito Jonas Marins, vereador Pedro Paulo Lopes, o Pedrinho, adiou sem nova data uma reunião marcada para ouvir as testemunhas que falariam em defesa do prefeito.
***
Segundo o presidente da Câmara Municipal de Barra Mansa, José Luiz Vaneli, o Leiteiro, o adiamento foi concedido por Pedrinho a pedido da defesa do prefeito, que deseja apresentar mais documentos em defesa de Jonas Marins.
***
Leiteiro disse ainda que a Câmara Municipal ainda aguarda resposta ao pedido feito para ter acesso ao processo que trata da questão da compra de medicamentos e corre em segredo de Justiça.

Abriu mão
O presidente do PTB de Barra Mansa, Eduardo Pimentel, abriu mão da disputa para ser indicado vice do pré-candidato do PMDB à prefeitura de Barra Mansa, Rodrigo Drable. Em postagem em um grupo do seu partido no Whatsapp, Eduardo afirmou que abre mão da indicação por razões familiares e políticas, e reafirmou que a legenda permanece unida em apoio a Rodrigo Drable.

Enquanto isso…
Rodrigo Drable esteve na sede do PMDB de Volta Redonda, nesta sexta. Ele chegou durante a entrevista coletiva em que Gotardo Netto declarava apoio a América Tereza, pré-candidata a prefeita pelo partido. A visita foi para dois dedos de prosa com o deputado estadual Edson Albertassi (PMDB).

Detalhe
Rodrigo estava acompanhado por José Luiz Vaneli, o Leiteiro. O presidente da Câmara Municipal de Barra Mansa fez um certo mistério sobre sua pré-candidatura a prefeito pelo PSDB. Podem vir novidades por aí.

Conversas
Gotardo Netto afirmou, ao declarar apoio a América Tereza, que chegou a conversar com os pré-candidatos do PRB, Paulo Baltazar, e do PR, Jorge de Oliveira, o Zoinho. Afirmou que já foi adversário dos dois durante campanhas anteriores, mas não guarda rancor.

Vice indefinido
Na coletiva desta sexta, Albertassi disse que o nome do vice na chapa de América Tereza ainda está indefinido. Segundo o deputado, há vários nomes que deixam o partido confortável.

Durante a noite
A decisão pode sair ainda na sexta, e Albertassi afirmou que América Tereza pode chegar à convenção do PMDB, neste sábado, junto com o pré-candidato a vice. O deputado tem uma série de reuniões para definir o nome do vice.
 
Mutável
América Tereza disse depois que essa é uma possibilidade, assim como existe a chance de a convenção terminar sem o nome do vice, ou mesmo de ser indicado um outro nome depois, se for conveniente. Essa mudança aconteceu, segundo a vereadora, durante a campanha que elegeu Luiz Fernando Pezão (PMDB) para o governo estadual. Dornelles foi indicado para vice na chapa depois da convenção.

Palestra
Em uma palestra do secretário-executivo do Programa de Parcerias de Investimentos da Presidência da República, Moreira Franco, realizada, nesta sexta-feira (22), na Associação Comercial do Rio de Janeiro, o governador em exercício Francisco Dornelles afirmou que a retomada do crescimento econômico só acontece com o aumento de investimentos do setor privado.

Quebrado
“No momento que o Estado gigante está falido, é por intermédio do setor privado que nós temos de retomar as taxas de crescimento econômico, seja por meio das privatizações, concessões e parcerias público-privadas, e esse setor está sendo muito bem conduzido pelo ministro Moreira Franco”, pontuou o governador em exercício.
 
Olimpíadas
Dornelles voltou a dizer que as Olimpíadas serão um sucesso e agradeceu, mais uma vez, a colaboração do governo federal: “Eu queria também aqui fazer um agradecimento ao ministro, que teve uma atuação das mais brilhante e tenaz, nesse processo de doação por parte do governo federal R$ 2,9 ao Estado, o que permitiu a continuação das obras do metrô, o reaparelhamento da polícia e chegarmos a uma situação em que nós vamos fazer as olimpíadas mais seguras e os melhores Jogos do mundo”, destacou.

Concordando
Moreira Franco disse concordar com Dornelles: “O governador Dornelles nos disse que a gente tem um só caminho para sair da mais grave crise econômica da nossa história. Ele compartilha que a alternativa primeira é exatamente de mobilizar o setor privado para que possa junto, e com a cobertura necessária do setor público, retomar o crescimento do país”, afirmou o ministro.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document