;
segunda-feira, 30 de novembro de 2020 - 01:17 h

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Ao lado de Pazuello, Bolsonaro volta a recomendar hidroxicloroquina

Ao lado de Pazuello, Bolsonaro volta a recomendar hidroxicloroquina

Matéria publicada em 22 de outubro de 2020, 15:58 horas

 


Brasília – Em encontro que amenizou a relação com ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, o presidente Jair Bolsonaro reforçou nesta quinta-feira, 22, sua defesa pelo uso da hidroxicloroquina para tratar a covid-19. Diagnosticado com a covid-19 na terça-feira, Pazuello afirmou ter tomado o “kit completo” de medicamentos.

Pazuello, que é o 12º ministro a contrair a doença, informou que sentiu cansaço já no domingo, mas só foi ao médico dois dias depois. “Na terça mesmo eu comecei a tomar hidroxicloroquina e annita, e a azitromicina na quarta-feira”, disse durante transmissão ao vivo nas redes sociais. Bolsonaro então destacou que o chefe da Saúde é a “prova” de que os medicamentos funcionam, mesmo que não haja evidências científicas disso. O ministro concordou e disse que nesta manhã acordou “zero bala”.

“Mais uma prova que tomou e deu certo. Alguns reclamam que a hidroxicloroquina não tem uma comprovação científica. Não tem para o covid, mas tem para outras coisas e não tem efeito colateral”, afirmou Bolsonaro. O chefe do Executivo repetiu então a orientação de procurar um médico logo nos primeiros sintomas. “Siga as prescrições do médico, se o médico prescrever (hidroxicloroquina) tome o mais rápido possível”, reforçou o ministro da Saúde.

O encontro fora da agenda do presidente ocorre um dia depois do mandatário ter desautorizado Pazuello ao mandar cancelar o protocolo de intenção de compra da vacina chinesa CoronaVac assinado pelo ministro. “Falaram até que a gente tava brigado. No meio militar é comum acontecer isso aqui. Algum choque de coisas. Não teve problema nenhum”, argumentou Bolsonaro.

Em resposta, Pazuello disse: “É simples assim, um manda e outro obedece, mas a gente tem um carinho”. Ontem, em entrevista à rádio Jovem Pan, Bolsonaro disse que foi uma “precipitação” a decisão de Pazuello de assinar sobre o protocolo de intenção de compra de 46 milhões de doses chinesas.

O “Pazuca”, como foi chamada pelo presidente na conversa, recebeu ainda elogios de Bolsonaro. “Foi um dos melhores ministros da Saúde que tivemos, falei isso para a imprensa, pode ter certeza o trabalho dele está sendo excepcional”, disse. O ministro acrescentou dizendo que “as coisas estão bem estruturadas e a equipe (do Ministério) é boa”.

 

Por Emilly Behnke


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

9 comentários

  1. Avatar

    O moço está em dificuldade para dar um fim a milhões de comprimidos que estão expirando a data de validade e que somente poucos desinformados pretendem usar. Será muito difícil e desagradável explicar para a sociedade como tanto dinheiro do “suor do povo” vai ser jogado no lixo.

  2. Avatar

    NA MINHA FAMILIA 04 PESSOAS FORAM CURADAS COM A CLOROQUINA, TRÊS EM SÃO PAULO E UMA NO RIO, NA MINHA CASA TODOS TEM O SEU KIT DA CLOROQUINA, MAIS PARA UMA ESQUERDA INFECTADA PELA MEDIOCRIDADE, HIPOCRISIA E IDIOTICE AGUDA, A CLOROQUINA MATA E A VACINA CHINESA CURA.
    ENTÃO É ASSIM…VACINA CHINESA = VIRUS CHINÊS X COBAIS BRASILEIRAS.

    • Avatar
      Cidado com o fanatismo!!!!!!

      A defesa imunológica adequada do organismo fez a cura, não a cloroquina. Milhares e milhares… morreram usando cloroquina, além dos perigosos efeitos colaterais amplanente relatados em milhares e milhares…
      Não é esquerda não! É ciência e inteligência, que infelizmente alguns fanáticos carecem.

  3. Avatar

    Muito engraçado essa turma que gosta de mamar nas tetas do governo, a cloroquina mais de 40 anos no Brasil aprovado pela Anvisa, comercializado em todo território do Brasil tem “efeitos colaterais” a vacina chinesa do VIRUS CHINÊS que não é comercializado em lugar nenhum do mundo e que não foi aprovado pela Anvisa , podem ser aplicadas e a Cloroquina não, será porque a cloroquina não precisa de 60bilhoes de investimentos? Isso é pilantragem, eu é que não tomo essa vacina nem a pau Juvenal.

  4. Avatar

    iSSO SO PODE SER UM DISTURBIO MENTAL….

  5. Avatar
    coxinha terrivelmente evangélico.

    Um general da ativa subalterno e capacho de um capitão reformado por indisciplina. Só mesmo no Brasil. Pobre Forças Armadas.Já foi melhor e mais respeitada. Perdendo o restante do respeito que a população tinha por elas.

  6. Avatar

    O senador Bolsonarista morto por Covid , que não acreditava na pandemia, chamando-a de “o vírus chines”, rechaçando o isolamento social, defendendo o uso da cloroquina, certamente tomou a droga, mas não deu certo. Provavelmente, os “adoradores de mitos” vão dizer que não deu certo porque não tomou na forma de supositórios.Assim como a injeção de ozônio só dá certo se for pelo fiofó.

  7. Avatar
    Dinheiro no lixo! Nada mais!

    O Sr. Cloroquina americano que é espertalhão, em momento algum usou o medicamento durante sua doença. Mas o Sr. Cloroquina tupiniquim brasileiro continua fazendo propaganda do medicamento, pois inteciona desovar no povo brasileiro milhões de comprimidos caros que pouquíssimos insanos pretendem usar e que logo irão apodrecer nos estoques. É o suado dinheiro do pobre povo indo para o LIXO.

Untitled Document