quinta-feira, 19 de setembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Extrema pobreza aumenta e chega a 15,2 milhões de pessoas, diz IBGE

Extrema pobreza aumenta e chega a 15,2 milhões de pessoas, diz IBGE

Matéria publicada em 5 de dezembro de 2018, 16:15 horas

 


Brasil- O número de pessoas na faixa de extrema pobreza no Brasil aumentou de 6,6% da população em 2016 para 7,4% em 2017, ao passar de 13,5 milhões para 15,2 milhões. De acordo com definição do Banco Mundial, são pessoas com renda inferior a US$ 1,90 por dia ou R$ 140 por mês. Segundo o IBGE, o crescimento do percentual nessa faixa subiu em todo o país, com exceção da Região Norte onde ficou estável.
Os dados fazem parte da Síntese dos Indicadores Sociais 2018, divulgada nesta quarta-feira (5) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), que entende o estudo como “um conjunto de informações sobre a realidade social do país”. O trabalho elaborado por pesquisadores da instituição tem como principal fonte de dados para a construção dos indicadores a Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua (Pnad Contínua) de 2012 a 2017.
O estudo mostra ainda que também aumentou a proporção de pessoas abaixo da linha de rendimentos. Em 2017, era de 26,5%, enquanto no ano anterior ficou em 25,7%. Os percentuais significam a variação de 52,8 milhões de pessoas para 54,8 milhões. De acordo com definição do Banco Mundial, são pessoas com rendimento até US$ 5,5 por dia ou R$ 406 por mês. A maior parte dessas pessoas, mais de 25 milhões, estava na Região Nordeste.
Houve elevação ainda na proporção de crianças e adolescentes (de 0 a 14 anos) que viviam com rendimentos até US$ 5,5 por dia. Saiu de 42,9% para 43,4%, no período.

Condições de vida

A pesquisa identificou que em 2017 cerca de 27 milhões de pessoas, ou seja, 13% da população, viviam em domicílios com ao menos uma das quatro inadequações analisadas: características físicas, condição de ocupação, acesso a serviços e presença de bens no domicílio. A inadequação domiciliar foi a que atingiu o maior número de pessoas: 12,2 milhões, ou 5,9% da população do país. Isso significa adensamento excessivo, quando há residência com mais de três moradores por dormitório.
No Amapá o nível atingiu 18,5%, enquanto em Santa Catarina ficou em 1,6%. No mesmo ano, 10% da população do país viviam em domicílios sem coleta direta ou indireta de lixo e 15,1% moravam em residências sem abastecimento de água por rede geral. O Maranhão foi o estado que registrou a maior falta de coleta de lixo: 32,7% da população não tinha acesso ao serviço.
Ainda na ausência de melhores condições, o estado do Acre é o que registrou maior percentual (18,3%) de pessoas residentes em domicílios sem banheiro de uso exclusivo. Já o Piauí, tinha a maior proporção da população sem acesso a esgotamento sanitário por rede coletora ou pluvial (91,7%).
Esses resultados mostram uma diferença grande para o estado de São Paulo, onde houve a maior cobertura para cada um dos serviços. A proporção da população sem coleta de lixo ficou em 1,2%, sem acesso a abastecimento de água por rede alcançou 3,6% e sem esgotamento sanitário por rede foi 7,0%.
*Por Cristina Indio do Brasil – Repórter da Agência Brasil


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

6 comentários

  1. Avatar

    UE O PT DO PRESIDIÁRIO NÃO TIROU MILHÕES DE BRASILEIROS DA POBREZA?

  2. Avatar

    Os analfabetos funcionais estão proliferando , não conseguem opinar sobre o assunto da matéria.

  3. Avatar

    Luladrão tirou da pobreza mta gente, e colocou na miséria.

    Bolsonaro ja pensa em construir um presídio só para os políticos do PT.

    A lista ta aumentando….

    • Avatar
      Meu nome é Zé Pequeno!

      Mito! O que mata a população brasileira são a precariedade das escolas e do ensino, do sistema de saúde, da falta de saneamento básico, do aumento da insegurança, da falta de impunidade, do aumento dos impostos que vão pelos ralos,etc.
      Esqueceram que falta construir presídios para os demais corruptos de todos os partidos, dos escalões dos governos em suas inúmeras esferas.
      Ainda fique “pasmado” com pessoas que acham que irão resolver os males da nação em um simples passe de mágica.
      Enquanto nosso país não acabar com este novo Sistema Colonial que substituiu os antigos “Coronéis” pelas famílias de políticos estaremos nos mesmos grilhões do passado porém com “roupagem” nova.

  4. Avatar

    Este e o Brasil que o pt tirou da miseria maquiagem pura e tem gente que acredita!
    Vem 2019!

  5. Avatar

    O que está ruim , pode piorar. O liberalismo selvagem , o povo é um detalhe, quem tem que estar satisfeitos são os rentistas, empresários , bancada BBB(BOI, BÍBLIA E BALA). Querem que o povo se exploda, como diria JUSTO VERÍSSIMO , personagem de Chico Anísio.Querem que o bolo cresça , somente as migalhas sobrarão para aqueles que tem fome. Como eles dizem , a vida é dura com quem é mole.

Untitled Document