segunda-feira, 22 de julho de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Mandante do assassinato de Dorothy Stang é transferido para hospital

Mandante do assassinato de Dorothy Stang é transferido para hospital

Matéria publicada em 13 de junho de 2019, 11:51 horas

 


Completam dez anos do assassinato da missionária norte-americana Dorothy Stang. Na foto, o túmulo de Dorothy Stang, em Anapu (Tomaz Silva/Agência Brasil)

Brasília – O fazendeiro Regivaldo Pereira Galvão, de 48 anos, conhecido como “Taradão”, condenado como mandante do assassinato da missionária norte-americana Dorothy Stang e cumprindo pena no Centro de Recuperação Regional de Altamira desde o dia 16 de abril deste ano, foi transferido nessa quarta-feira (12) para um hospital particular em Altamira, no Pará.

De acordo com a Superintendência do Sistema Penitenciário (Susipe), Regivaldo vinha sendo atendido na Unidade de Saúde Penitenciária devido uma ferida infeccionada na região tíbia. Mas, com agravamento da infecção, com o preso apresentando quadro de febre, foi necessária a transferência hospitalar.

A Susipe informou que Regivaldo foi conduzido sob escolta policial para o Hospital Santo Agostinho. “Não há informações sobre como o condenado adquiriu a ferida, pois o mesmo só informou a direção da unidade quando já apresentava estágio avançado de infecção”, diz o órgão.

A missionária Dorothy Stang foi assassinada em fevereiro de 2005, em Anapu, no Pará. Ela lutava pela implantação de um assentamento de trabalhadores rurais numa área de terra reivindicada por madeireiros e fazendeiros, na região oeste do estado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar
    capeta da grota do santa cruz

    COMPLETAM 10 ANOS OU 14 ANOS? MORREU EM 2005..A PRÓPRIA FOTO MOSTRA ISSO.

Untitled Document