segunda-feira, 12 de abril de 2021 - 17:01 h

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / MP-RJ investiga suspeita de mortes de pacientes da Covid-19 por falta de oxigênio

MP-RJ investiga suspeita de mortes de pacientes da Covid-19 por falta de oxigênio

Matéria publicada em 2 de abril de 2021, 10:30 horas

 


 

Desde dezembro a Defensoria Pública tem percebido as precárias condições de atendimento do hospital de Arraial do Cabo – Foto: Arquivo.

Rio- O Ministério Público do Rio (MP-RJ) investiga se pacientes de Covid-19 internados no Hospital Geral de Arraial do Cabo, município da Região dos Lagos fluminense, morreram por falta de oxigênio. A denúncia foi apresentada à Defensoria Pública do Rio por familiares de mortos e profissionais de saúde. Entre 21 e 28 de março, pelo menos cinco pessoas teriam morrido por falta do insumo. A prefeitura nega.

“Desde dezembro a Defensoria Pública tem percebido as precárias condições de atendimento do hospital de Arraial do Cabo. Em vistoria conjunta com o Cremerj (Conselho Regional de Medicina), constatamos a falta de profissionais de saúde, de medicamentos e de insumos essenciais para os pacientes infectados pela covid-19”, afirmou a defensora pública Raphaela Jahara, da Coordenadoria de Saúde e Tutela Coletiva.

Diante da denúncia recebida pela Defensoria, a 3ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva – Núcleo Cabo Frio enviou na quarta-feira, 31, ofício à prefeitura de Arraial do Cabo para que em até 48 horas esclareça as denúncias.

Também pede que a gestão municipal encaminhe os prontuários médicos dos pacientes atendidos, para apuração dos fatos.

Fonte Agência Estado*


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Avatar

    O Brasil adundando! E o Bolsonaro? Por onde anda? Só passeando de moto e jet ski!

    • Avatar

      Errado! Liberando montanhas de recursos financeiros para estados e municípios enfrentarem a pandemia, que desde priscas eras nunca se importaram com esse negócio de saúde pública. Onde estão os tais hospitais de campanha ? que no início desse flagelo, seriam a salvação da lavoura, segundo os especialistas e grande parte da imprensa. Não procure culpados. Faça como o presidente do Conselho Federal de Medicina falou em entrevista na rádio Jovem Pan.

  2. Avatar

    denúncia foi apresentada à Defensoria Pública do Rio por familiares de mortos e profissionais de saúde. Entre 21 e 28 de março, pelo menos cinco pessoas teriam morrido por falta do insumo. A prefeitura nega.

    Se profissionais e familiares estão falando que faltou oxigênio, com certeza aconteceu!!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document