quinta-feira, 5 de dezembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / MPF aprova reajuste de 16,38% em salário de procuradores federais

MPF aprova reajuste de 16,38% em salário de procuradores federais

Matéria publicada em 10 de agosto de 2018, 19:03 horas

 


Brasília – O Conselho Superior do Ministério Público Federal (CSMPF) aprovou nesta sexta-feira (10), por unanimidade, o orçamento do MPF para o ano de 2019, incluindo reajuste de 16,38% para todos os procuradores da República, a exemplo do que fizeram os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) nesta semana em relação a seus próprios vencimentos.

O valor total do orçamento do MPF para 2019 é de R$ 4,067 bilhões, quantia que engloba os R$ 101 milhões a mais que devem passar a ser gastos com os salários dos procuradores da República. Caso o reajuste seja confirmado pelo Congresso, o salário de um procurador da República deve superar os R$ 33 mil.

Ao justificar a aprovação, os membros do CSMPF disseram que a Constituição prevê a paridade entre juízes e membros do MP, que assim têm direito a reajuste com o mesmo percentual dos magistrados. “É um verdadeiro imperativo”, afirmou o subprocurador-geral da República Mario Bonsaglia.

Para absorver o reajuste, o órgão foi obrigado a remanejar 2,8% de seus gastos gerais para os gastos de pessoal. Com isso, 80,2% de todo o orçamento do MPF passa a ser destinado ao pagamento de salários. “Não é uma coisa que acontece agora, temos já um comprometimento com despesa de pessoal que é historicamente superior a 80%”, destacou o secretário-geral do MPU, Alexandre Camanho. “Não é uma aparição abrupta”, justificou.

Segundo a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, o MPF tem feito um esforço para reduzir gastos, como a utilização de ferramentas eletrônicas e audiências por videoconferências, que permitem a realocação de recursos. “O impacto no orçamento da União será zero”, afirmou ela.

O presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República, José Robalinho, elogiou a aprovação do reajuste dos subsídios. Ele pontuou que os remanejamentos feitos no orçamento permitem que o aumento de salário não onere o contribuinte. “Não se está buscando nenhum centavo do Executivo”, disse.

MPU

À tarde, deve ser aprovada a proposta orçamentária para todo o Ministério Público da União (MPU), que além do MPF engloba ainda o Ministério Público do Trabalho (MPT), o Ministério Público Militar (MPM) e o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT).

No caso do MPU, o valor total da previsão orçamentária é de R$ 6,244 bilhões, quantia que é 4,39% maior do que a do ano passado. O aumento equivale à inflação projetada para este ano, limite imposto pela Emenda Constitucional do Teto de Gastos (EM 95/2016). A proposta será votada no Conselho de Assessoramento Superior do MPU.

Levando-se em consideração todo o MPU, o impacto previsto do aumento de 16,38% nos subsídios de procuradores e promotores é de R$ 223,7 milhões.

Ainda no fim do dia, deve ser apresentada a proposta orçamentária dos ministérios públicos estaduais, a ser votada no Conselho Superior do Ministério Público. Todos os orçamentos serão encaminhados ao Ministério do Planejamento, que os incorpora à proposta que será encaminhada para votação no Congresso. Por Felipe Pontes, da Agência Brasil.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

10 comentários

  1. Avatar
    Manifantocheenvergonhado

    Essa elite nojenta que dá a si própria um aumento absurdo em comparação com o dos trabalhadores honestos é a mesma que protege empresários desonestos e escracha os pobres, é a mesma que tirou da presidência uma mulher honesta e deixou um corrupto golpista no poder, é a mesma que mantém no poder o PSDB, o MDB e outros comparsas, é a mesma que é admirada pelos coxinhas babacas e sustentada por grande parte de idiotas insanos da classe média. Infelizmente, essa corja é que domina o país.VAI PR’A RUA, Ô COXINHA !

    • Avatar

      A tua ignorância te leva a dizer mentiras, pois essa elite nojenta, que foi colocada no STF e que deu aumento de 16% para os juízes foi colocada lá pelo teu deus, que também é o deus de Picianni pai, filho e neto, o deus do Sérgio Cabral, do filho dele e do neto também! É um deus pagão, que, como todos os deuses pagãos, será esquecido!
      Como diria o ex-Senador Mão Santa: “A ignorância é audaciosa!”…

  2. Avatar

    Kkkkk chuuupaaa Coxinhas agora chóóóóóraaaa

  3. Avatar

    Enquanto isso algumas pessoas achando que quem esta quebrando a previdência são aqueles que realmente trabalham nesse país e só receberam 2,07% de aumento. Isso vão defendendo a reforma seus manes, pra ter dinheiros pra essa minoria que já tem tudo de graça.

  4. Avatar

    Uma afronta ao povo! Mas o povo daqui é pacato, dorme em berço esplêndido junto ao gigante pela própria natureza.

  5. Avatar

    E o povo brasileiro não acredita que vivemos numa monarquia judicial.eles são de sangue azul e nós a plebe rude.

  6. Avatar

    Os ministros do STF decidiram dar aumento para si mesmos, agora todas as categorias de servidores púbicos vão ter aumentos, ou seja, eles só pensam em si mesmos e não pensam no Brasil!
    Como diria o ex-Senador Mão Santa: “a gente faz apenas uma vez na vida: nascer, morrer e votar no PT!”

    • Avatar

      Todas não. Só juízes e PROMOTORES. Os Paladinos da moral e bons costumes. …

    • Avatar

      Qual a relação entre aumento do judiciário em próprio benefício com votar no PT, ó ser siderado ?

      Seu próximo passo na alucinação completa é ir com caixa de som e microfone para a praça Brasil para bradar contra a tal URSAL,

  7. Avatar

    Isso q é Brasil, eu aqui no meu emprego em uma fábrica vou ter 1,69% de reajuste referente ao INPC, ta de sacanagem…

Untitled Document