sexta-feira, 15 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Nacional / Polícia do Rio prende suspeito de usar gás para lavar dinheiro

Polícia do Rio prende suspeito de usar gás para lavar dinheiro

Matéria publicada em 15 de outubro de 2019, 09:21 horas

 


Rio de Janeiro – Policiais civis prenderam hoje (15) um suspeito de lavar R$ 1 milhão, dinheiro obtido com a venda de drogas ilegais no Rio de Janeiro, através de empreendimentos como a comercialização de gás de botijão. Os policiais cumprem ainda oito mandados de busca e apreensão em endereços ligados a parentes do suspeito.

De acordo com a Polícia Civil, o preso, Fábio Pinto dos Santos, conhecido como Fabinho São João, é apontado como um dos chefes da quadrilha que controla a venda de drogas no Morro São João, localizado no Engenho Novo, e em Manguinhos, ambas comunidades da zona norte do Rio.

Contra ele, havia três mandados de prisão por crimes como homicídio e associação para o tráfico de drogas.  O dinheiro obtido com a venda de drogas era lavado, segundo a Polícia Civil, através de empresas pertencentes a parentes de Fábio, entre elas, uma distribuidora de gás que atua em Manguinhos e no bairro vizinho do Jacaré. Algo em torno de R$ 1 milhão teria sido lavado em 17 meses.

Preso em 2009 e condenado por tráfico de drogas, Fabinho São João foi transferido para o presídio federal de Campo Grande (MS). Ele saiu da prisão em setembro 2016, com sentença cumprida. Depois de solto, Fábio voltou a ser alvo de investigações policiais, sob a suspeita de promover invasões no Morro dos Macacos, em Vila Isabel.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document