Arquivos Contos e Crônicas - Por Alexandre Correa Lima - Diário do Vale
quinta-feira, 16 de agosto de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Contos e Cr̫nicas РPor Alexandre Correa Lima

Contos e Cr̫nicas РPor Alexandre Correa Lima

Mauro Morandi, o Robinson Crusoé contemporâneo

Sempre fui apaixonado por livros e por boas histórias, desde criança, herança que devo em grande parte ao incentivo de minha mãe, e aos gibis da Família Disney que ganhava ... Leia Mais »

Uma coisa bem legal

Estava entregue aos prazeres morféticos do mais absoluto ócio, naquele átimo de existência em que a inebriante bomba congestiva de meio quilo de nhoque com carne assada entra em conluio ... Leia Mais »

Garçom? Água, por favor!

Após os incômodos existenciais de uma juventude magricela, logo percebi as vantagens de um metabolismo que não me permitia engordar, a despeito do que quer que comesse ou bebesse. Não ... Leia Mais »

Schadenfreude

Admito que torci pela Croácia na final contra a França nesta Copa do Mundo de 2018. Aliás, a julgar pelo que vi, ouvi e observei, não apenas eu, mas grande ... Leia Mais »

O nariz de Picasso

As horas passaram insuportavelmente lentas naquela manhã de segunda-feira, receosas de chegar. Uma forma de prenúncio, que minh’alma de criança imatura não permitiu captar. Tomei um banho felino e até ... Leia Mais »

Varandas e quintais

Era para ser apenas uma corriqueira caminhada entre o escritório e a padaria para aplacar a fome vespertina, mas acabou virando uma viagem histórica, social e arquitetônica. Sei lá porque ... Leia Mais »

O futebol e a vida

Em tempos de Copa do Mundo, é natural que a gente se recorde dos grandes momentos do futebol. A imagem mais distante que consigo ter, ainda criança, foi da Copa ... Leia Mais »

Hasta la vista

Achei curiosa a explicação de um amigo por ser (quase) fluente em espanhol, mesmo sem nunca ter estudado o idioma: – É que morei um tempo nos EUA. Até onde ... Leia Mais »

O homem e o menino

Saíra da pequena cidade ainda menino, logo que a morte do pai impôs à família a dura realidade de ganhar o pão de toda manhã. Era preciso buscar emprego e ... Leia Mais »

A magrela esquecida

A gente só percebe que o conforto da nossa vida é muito frágil quando se rompe algum elo da corrente infinita de partes que formam o nosso sistema civilizatório. Ninguém ... Leia Mais »

Untitled Document