segunda-feira, 3 de agosto de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / ‘Árvore Digital’ fornece energia elétrica e internet gratuita na Praça Brasil

‘Árvore Digital’ fornece energia elétrica e internet gratuita na Praça Brasil

Matéria publicada em 6 de agosto de 2019, 19:31 horas

 


Projeto possui quatro saídas USB’s e de suporte lateral para acomodar os aparelhos
(Foto: Gabriel Borges – Secom PMVR)

Volta Redonda- Instalada na Praça Brasil, em Volta Redonda, a Árvore Digital dispõem de um painel solar que converte a luz do sol em energia elétrica, que fica armazenada numa bateria, onde posteriormente é convertida em tensão compatível com dispositivos portáteis. O objetivo é proporcionar a população uma alternativa pública e gratuita para recarregar o dispositivo portátil com comodidade e segurança.
O projeto além de fornecer energia para recarga dos dispositivos portáteis também fornece internet gratuita e ilimitada ao redor mantendo a população conectada. O Assessor técnico da Empresa de Processamento de Dados de Volta Redonda, Marlus Viese, explicou que a ideia da árvore se deu ao fato de levar energia elétrica a locais públicos sem a necessidade de quebrar calçadas ou passar fios exposto deixando a cidade feia.
– Diante do desafio adotamos a energia solar que é renovável e limpa, que nos direcionou a ecologia e, por fim, em uma árvore que fisicamente trás as formas que iríamos utilizar. O projeto da Praça Brasil foi nosso piloto e nele estamos monitorando sua aceitação e robustez do projeto, estamos animados com os resultados e teremos em breve a expansão do projeto a outros bairros – contou Marlus acrescentando que a próxima praça a receber o projeto poderá ser a Praça da Bíblia, no centro.
A utilização é simples, a árvore dispõem de quatro saídas USB`s. O usuários deve levantar a tampa de proteção para água que terá acesso as tomadas, em seguida só conectar seu cabo USB ao dispositivos. As pessoas podem contar também com suportes laterais para acomodar o dispositivo.
O Diretor Presidente da EPD, Matheus Moreira Cruz, explicou que essa árvore foi um protótipo inicial que está servindo como teste.
– A ideia inicial surgiu de uma dificuldade que tínhamos de levar energia elétrica até os bancos da Praça Brasil e de encontrar totens de carregador de celular que pudessem ficar expostos ao tempo, tomando sol e chuva. Por não encontrar nada no mercado decidimos fazer o nosso próprio carregador de celular. Daí nasceu o conceito de árvore digital. Uma tecnologia sustentável que utiliza energia solar e material reciclado – destacou Matheus afirmando que esse foi um presente da EPD para o aniversário da cidade.
A EPD agora irá aperfeiçoar alguns itens e ampliar para toda cidade de Volta Redonda e até comercializar para outros municípios.
O Ppefeito Samuca Silva disse que quem ganha com esse projeto é a população, pois terá conectividade, facilidades e inovação de forma sustentável.
– Com a energia sustentável, adotamos mais uma medida na execução do projeto, os materiais utilizados na construção da árvore, foi utilizado sucatas de bancos de praça e placas de trânsito que não seriam mais utilizados. Temos o importante papel de avançar com projetos que leve conectividade e internet pública para a população de Volta Redonda – finalizou Samuca.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

5 comentários

  1. Avatar

    Um kit off grid com um painel solar de 320w mais um controlador de carga custa R$ 1119. Adiciona mais uma bateria estacionaria 12v 70ah
    R$ 384 e o resto é madeira, poucos fios e conectores. Ou seja, com boa vontade um aluno de qualquer curso técnico monta uma árvore até melhor do que essa por no máximo 2000 reais. Seria uma oportunidade para a EPD integrar esse projeto com as escolas técnicas para os alunos montarem as árvores e eles mesmos as “plantarem” pela cidade despertando assim o interesse dos jovens pela ciência, tecnologia,energia renovável e principalmente cidadania já que ficaria um pouco da dedicação e suor dos jovens em alguma praça da cidade.

    • Avatar

      muito boa sua ideia

    • Avatar

      Boa idéia Ratono. Se a prefeitura estabelecer um gabarito mínimo e ceder as peças paras as escolas os alunos poderão desenvolver variações dessas árvores que seriam espécies diferentes. Uma além de carregador de celular poderia ser um poste de iluminação, outra teria leds coloridos, sensor de presença etc. A criatividade dos alunos transformaria essas árvores em obras de arte tecnológica que seriam uma atração em Volta Redonda e destaque nacional. E incluir no projeto dos estudantes a necessidade de incluir uma caixinha que serviria de ninho para os pássaros.

  2. Avatar

    Sensacional… e ainda é uma forma de reciclar ! Parabéns !

  3. Avatar

    Idéia inovadora, útil e criativa. Parabéns a quem idealizou! Espero que Samuca instale em outros pontos e que a população NÃO VANDALIZE. Denuncie quem o fizer!!…

Untitled Document