domingo, 29 de março de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Cidade / UPA Infantil completa dois anos com mais de 140 mil atendimentos

UPA Infantil completa dois anos com mais de 140 mil atendimentos

Matéria publicada em 27 de maio de 2019, 19:10 horas

 


Zé Gotinha visita crianças em atendimento na UPA
(Foto: Wagner Gusmão-Secom)

Angra dos Reis- A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Infantil Agda Maria completou neste domingo, dia 26, dois anos de funcionamento. No período, a unidade atendeu mais de 140 mil crianças, de zero a 14 anos, com consultas médicas, exames laboratoriais e de raio-x, atendimentos odontológicos e disponibilização de medicamentos.Quem foi à unidade procurar atendimento, no domingo, encontrou o Zé Gotinha, um palhaço que levou uma dose especial de alegria aos pequenos pacientes.
– Na UPA Infantil a gente é bem atendido e pega o medicamento aqui mesmo, se precisar. Eu acho que o espaço ficar só para as crianças foi uma iniciativa muito boa – avaliou Adriana de Oliveira, mãe do Luan.
Lúcia Firmino, que acompanhou o neto Micael na unidade, também aprovou o atendimento recebido.
– O atendimento aqui, a atenção, é tudo uma maravilha. Me sinto à vontade, como se estivesse em casa, porque o espírito é de família – afirmou.
O prefeito Fernando Jordão destacou que a reabertura da UPA foi um compromisso assumido com a população.
– Quando iniciamos o governo, o prédio estava cedido à Polícia Militar e totalmente canibalizado, com o piso completamente destruído. Muita gente duvidou que pudéssemos reabrir a UPA, mas nós fizemos – destacou.
De acordo com a prefeitura, depois de recuperar o prédio, reestruturar, equipar e humanizar o espaço, no dia 26 de maio de 2017, a UPA foi devolvida à população, com uma novidade: oferecendo atendimento exclusivo às crianças.
– Foi muito importante a nossa decisão, política e técnica, de reabrir a UPA e transformá-la numa unidade especializada em atendimento infantil. A pergunta que eu deixo é: para onde iam estas 140 mil crianças antes da UPA ser reaberta? Às vezes, a população cobra e com razão, porque esta unidade é fundamental para as crianças que não têm planos e precisam do serviço público de saúde – finalizou o prefeito.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document