Rápido demais

by Agatha Amorim

De repente você se sente
Mais calmo que pense
Mais alto que o topo
Mais inteligente que a mente

De repente você se vê
Mais contente que antes
Mais coerente que o agir pra si
Mais fugaz que qualquer rapaz

Um pouco rápido
De repente foi a vida que passou
O mundo que mudou
De repente não foi nada que sonhou

De repente foi tudo o que havia de ser
Ainda que sem entender

De repente é isso
Sorrir enquanto dá
Chorar até curar
Amar sempre
E não esperar a morte chegar…

Por V.F.

You may also like

3 comments

Ricardo Campos 11 de outubro de 2022, 13:52h - 13:52

Sempre instigante a palavras do VF. Palmas

JRMA 11 de outubro de 2022, 12:17h - 12:17

Belíssima poesia, envelhecer somos nós logo amanhã.

MARIA APARECIDA CORRÊA 11 de outubro de 2022, 11:31h - 11:31

Amei

Amo suas poesias!
Parabéns Diário do Vale !

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996