quinta-feira, 28 de outubro de 2021 - 00:07 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Após maior apreensão, comandante reforça policiamento em Angra dos Reis

Após maior apreensão, comandante reforça policiamento em Angra dos Reis

Matéria publicada em 3 de agosto de 2016, 12:38 horas

 


batalhao

Em alerta: Comandante reforça policiamento na comunidade de Manguinhos, após maior apreensão de drogas este ano em Angra
(Foto: Arquivo)

Angra dos Reis- O Comandante do 33º Batalhão da Polícia Militar (Angra), tenente-coronel Luís Cláudio Regis, mandou reforçar a segurança no bairro Manguinhos, em Angra dos Reis. A ação é preventiva e visa evitar qualquer reação de traficantes, após policiais da corporação terem realizado no primeiro 1º deste mês, a maior apreensão de drogas este ano na cidade.

angra

Material estava enterrado em um mangue
(Foto: Cedida pela PM)

Policiais militares apreenderam na comunidade de Manguinhos, 50 quilos de maconha prensada, uma metralhadora calibre 9 milímetros, um rifle calibre 38, 5.400 mil pinos de cocaína, 470 sacolés de maconha e 44 tabletes da mesma droga. O material foi enterrado dentro de tonéis em um mangue. Ninguém foi preso.  A ocorrência foi registrada à 166ª DP (Angra do Reis).

O comandante pretende ainda inibir o comércio de droga no bairro, com a realização da Operação Asfixia. A intenção é  enfraquecer o poder econômico e material dos bandidos, fazendo com que eles não tenham condições financeiras para comprar drogas e nem mesmo de manter seus depósitos de armas.
Embora ainda vê necessidade, mas para garantir a segurança e tranquilidade aos moradores de Manguinhos, o policial não descartou a hipótese, inclusive de ocupar o bairro, como fez o então comandante do 33º BPM, tenente-coronel, Paulo Roberto Neves Junior.

Neves conseguiu  prender e acabar com os confrontos entre traficantes e policiais militares, em junho de 2015, no Morro do Sapinhatuba, também  em Angra. Na época, mais  de 150 agentes entre policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope), do Batalhão de Choque e de Ações com Cães , do Rio, chegaram  ao local, para dar apoio aos PMs do 33º Batalhão, que  já ocupavam o morro. O objetivo da ação, segundo Paulo Roberto Neves foi  dar segurança e tranquilidade aos moradores.

O pedido de auxílio veio após a resistência e ousadia dos criminosos, que tinha atirado dias atrás no subtenente da PM, Marcos Almado da Silva, quando fazia um patrulhamento pela BR-101 (Rio-Santos) e chegou a ser internado no Hospital da Japuíba, mas não correu risco de morrer.

Na ocasião foram apreendidos 4,5 mil pinos de cocaína; 180 sacolés da mesma droga; um litro de “cheirinho da loló” e dois coletes à prova de balas. Além de um fuzil FAL (Fuzil Automático Leve) de fabricação argentina; escopeta calibre 12; pistola 9 milímetros; 65 pinos de cocaína; um quilo de maconha e 53 trouxinhas da mesma droga. À tarde, o Batalhão de Ações com Cães encontrou no Morro da Glória: 879 cápsulas e outros 26 sacolés de cocaína; sete tabletes e 128 trouxinhas de maconha; 116 trouxinhas de crack; um comprimido de ecstasy e munições de 357, calibre 32 e 30.

– Minha meta foi banir esses vagabundos que pensam que podem dominar essas comunidades –  disse o policial na época.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

4 comentários

  1. A comunidade do lambicada então tenho amigos d lá que dizem que tem.tanta casa abandonada lá já q parece até cemitério e as autoridades não fazem nada para apartar essa atitude de represália dos traficantes. … Dizem que todo dia osó traficantes de Camorim grande vai lá d tiro roubar os outros e ninguém nem ve os polícias lá e nem aqui a onde eu morro também. .. Só Deus nas Comunidades que polícia tá dificio

  2. Isso é a mas pura verdade tem comunidades aí que estão passando sufoco na mão de traficantes … Tem gente abandonando suas casa com medo d morrer no tiroteio q e diário

  3. PARQUE MAMBUCABA MAIS DE 10 (DEZ) MORTES NINGUEM E PRESO,MORTE DE DIA SEM INVESTIGAÇÃO COMANDANTE O QUE ESTÁ ACONTECENDO? O POVO VAI FAZER MANIFESTO AO MINISTERIO PUBLICO….

  4. a coisa ta feia em angra tiroteio todo dia na lambicada e aki na caputera

Untitled Document