quarta-feira, 20 de outubro de 2021 - 07:02 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Casal é baleado ao proteger filho de atirador em Volta Redonda

Casal é baleado ao proteger filho de atirador em Volta Redonda

Matéria publicada em 7 de janeiro de 2016, 19:44 horas

 


Suspeito do crime teria tentado matar o rapaz de 18 anos por uma desavença entre eles pela venda de um carro

Volta Redonda – Um casal ficou ferido na noite de quarta-feira (6), ao ser baleado por um motoboy no bairro Açude III. Segundo a polícia, o atirador tentava matar o filho deles, um jovem de 18 anos, quando os dois entraram na frente para protegê-lo. O suspeito da tentativa de homicídio foi preso logo depois pela Polícia Militar.

O pai do rapaz, de 51 anos, e a mãe dele, de 47, foram socorridos no Hospital do Retiro e liberados em seguida. O homem levou um tiro de raspão no braço, enquanto a mulher levou outro, também de raspão, na cabeça.
O crime aconteceu na Rua Edgar Telles. O suspeito, identificado como Fábio Júnior da Costa, de 33 anos, foi preso em uma casa também no Açude III. No imóvel foram apreendidos dois revólveres calibre 22 e 38, além de duas munições deflagradas que estavam no quintal.
Um policial civil ouvido pelo DIÁRIO DO VALE disse que Fábio teria tentado matar o jovem por causa de uma briga entre eles pela venda de um carro no ano passado. No entanto, o policial afirmou que o acusado não soube explicar quem seria o vendedor e o comprador no suposto negócio.
O policial contou ainda que os envolvidos são vizinhos e que o motoboy foi até a casa do jovem para tirar satisfações com ele. Segundo o inspetor, Fábio fez disparos, mas por duas vezes, a arma falhou e não atirou.
– Nesse intervalo, os pais entraram na frente de Fábio, mas ao apertar o gatilho pela terceira vez o revólver disparou e a mulher foi atingida de raspão na cabeça. O pai do jovem então entrou em luta corporal com o suspeito e foi quando a arma disparou mais uma vez atingido o braço do homem – detalhou o policial.
O delegado titular da 93ª DP (Volta Redonda), Eliezer Lourenço, indiciou Fábio nos crimes de tentativa de homicídio e porte ilegal de arma.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

12 comentários

  1. infelizmente não da pra confiar na justiça, na politica,o que temos que tentar fazer e educar nossas crianças para não virar o bandido amanhã, não só o bandido de rua mais os bandidos politico e policiais.

  2. Não conheço sequer uma pessoa que seja favorável a “armar a sociedade indiscriminadamente”, não seja desonesto. O que a população quer é ter o DIREITO de poder comprar sua arma caso cumpra os requisitos de não ter antecedentes criminais, exames psicológicos e de tiro. O que não pode é atualmente um delegado da PF (através da discricionariedade) indeferir o seu pedido mesmo cumprindo todos os requisitos.
    Senhores, vivemos numa política semi totalitária e antidemocrática (sim, pois 63% do povo disse NÃO ao desarmamento e mesmo assim nos foi enfiado goela abaixo).
    1/3 da PM sofre de algum distúrbio mental, é considerada a profissão mais estressante, tiveram um péssimo treinamento quanto ao manuseio e prática em armas de fogo, esses mesmos seres humanos (sim, são como nós, não são de Marte) estão sempre armados e também tem problemas com vizinhos, com a mulher, levam fechadas no trânsito e nem por isso está havendo um derramamento de sangue.
    Quando alguém viu um cidadão com sua arma registrada cometer um delito?
    Quantos seguranças privados (bancos, escoltas armadas) estão matando por aí?
    Agora, um único delinquente, esteja com uma bazuca, canivete ou mãos nuas seu único objetivo é fazer o mal.
    Vamos pensar um pouco pessoal, pois “ainda” somos livres para isso.

  3. Ops!!! Arma legal sou a favor as ilegais você compra em qualquer lugar via importabando ou ate faz as ditas artesanais ( quem faz um cano faz um canhão) . O Governo desarmou quem morre ,mas tinha de começar desarmando os bandidos eles sabem onde eles estão,mas é perigoso não é..

  4. Sociedade brasileira descendo pelo esgoto…

  5. Arma foi feita para matar e causar trajédia. Se o governo liberar as armas novamente será uma sangria no Brasil. Pessoas em momento de fúria vão continuar se matando por nada, por falta de diálogo e por falta de cobrar seus direitos na justiça

  6. Aqui no loteamento mataram um agorinha. Muito triste

  7. Concordo plenamente esses jovens estão virando tudo vagabundo e tem pai que não vê e fica protegendo o filho achando que e santinho.

  8. NUNCA PODE LIBERAR ARMA PARA UM IDIOTA COMO ESSE. E AINDA, TEM GENTE FAVORÁVEL ARMAR A POPULAÇÃO INDISCRIMINADAMENTE. DESCORDO, EXISTE PESSOAS QUE NÃO PODEM PASSAR NEM PERTO DE ARMAS;CERTAMENTE FARIAM MERDA.

  9. Ninguém leva tiro a toa…estes jovenzinhos metidos a bandido tão morrendo cedo, arrumando sarna pra se coçar. Aí os pais levam o ferro, literalmente! Este menorzinho em momento algum pensou nos pais antes de fazer coisa errada. Quem ficar com pena leva o vagabundo pra casa. Onde ja se viu uma criança ter carro?! Só pode ser fruto de roubo.

Untitled Document