quarta-feira, 19 de janeiro de 2022 - 01:34 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Números do ISP mostram redução da criminalidade em Volta Redonda

Números do ISP mostram redução da criminalidade em Volta Redonda

Matéria publicada em 9 de abril de 2015, 18:36 horas

 


Redução foi registrada em todos os tipos de crimes, nos meses de janeiro e fevereiro

(Foto: Divulgação)

(Foto: Divulgação)

Volta Redonda –

O balanço mensal divulgado pelo Instituto de Segurança Pública do Rio de Janeiro (ISP-RJ) aponta a redução de todos os tipos de crimes em Volta Redonda, na área abrangida pela 93ª DP, na comparação entre os anos de 2014 e 2015. A pesquisa leva em conta os registros da 93ª DP dos meses de janeiro e fevereiro, e aponta queda, por exemplo, no número dos chamados crimes violentos: janeiro e fevereiro registraram sete homicídios cada um em 2014, contra um e cinco homicídios, respectivamente, em 2015. O número de lesões corporais dolosas foi reduzido de 98 e 89, em janeiro e fevereiro de 2014, respectivamente, para 77 e 59, em 2015.

Nos crimes contra o patrimônio, houve redução acentuada no roubo a estabelecimentos comerciais, com o registro de 10 ocorrências em janeiro e 9 em fevereiro de 2014, contra 4 e 1 ocorrências, nos mesmos meses em 2015. No caso de roubo a residências, foram registrados 3 e 4 casos, respectivamente, nos dois primeiros meses de 2014, contra um registro em janeiro e nenhum em fevereiro de 2015. Os roubos a pedestres tiveram 12 registros em janeiro e 21 em fevereiro de 2014, contra um registro em janeiro e nenhum em fevereiro de 2015. Volta Redonda não tem registro em janeiro e fevereiro dos últimos dois anos de crimes como sequestro, sequestro com condução de vítima para saque em instituição financeira (sequestro relâmpago), roubo a banco, caixa eletrônico ou em coletivos.

O trabalho desenvolvido pela Polícia Civil e da Polícia Militar conta com todo o apoio da Prefeitura Municipal de Volta Redonda, em projetos como o Ciosp (Centro Integrado de Operações de Segurança Pública), que reúne no mesmo local todas as forças da segurança pública atuantes no município, como polícias militar e civil, Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil, de forma única no País. Além disso, no Ciosp os integrantes das forças de segurança monitoram a cidade por meio do sistema de câmeras, que conta com cerca de 140 aparelhos. Desde a implantação do Ciosp, em junho de 2010, os números da criminalidade vêm sendo reduzidos ano a ano, pelo trabalho realizado em parceria entre o Poder Público municipal e as forças de segurança do Governo do Estado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

3 comentários

  1. Parabéns ao CIOSP e todos seus funcionários
    nossa cidade esta muito bem guardada
    obrigado

  2. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk A Pinóquio dificil acreditar e piada não he? Como a quantidade de mortes por dengue que a funerária municipal e proibido divulgar.

  3. Vamos ver esses números em maio de 2015. Já acabei de printar esta tela aqui e vou guardar num lugar bem seguro esses dados atuais.

Untitled Document