>
domingo, 22 de maio de 2022 - 12:16 h

TEMPO REAL

 

Capa / manchete1 / Operação Repressão Total termina com dois presos em Volta Redonda

Operação Repressão Total termina com dois presos em Volta Redonda

Matéria publicada em 12 de março de 2015, 08:05 horas

 


Procurados são suspeitos de cometerem homicídio e latrocínio

Natan e Hugo durante apresentação na Delegacia de Volta Redonda (Foto: José Roberto Mendonça)

Natan e Hugo durante apresentação na Delegacia de Volta Redonda (Foto: José Roberto Mendonça)

Volta Redonda –

Os delegados da 93ª DP (Volta Redonda), Luís Maurício Armond (titular), e Rodolfo Atala (adjunto) apresentaram hoje duas pessoas presas durante a Operação “Repressão Total”, ocorrida na manhã desta quinta-feira (12), em vários bairros de Volta Redonda. O objetivo  foi cumprir  12 mandados de prisão, principalmente de suspeitos de tráfico de drogas, homicídios e latrocínio (roubo seguido de morte).
– Desde que assumi a 93ª DP meu objetivo foi combater, principalmente, esses três tipos de crimes na cidade. Ontem, após a prisão do taxista e apreensão de dois menores, suspeitos de assassinarem um advogado, na Ponte Alta, programamos a operação de hoje. Vamos procurar dar continuidade a esse tipo de ação na cidade diante da política institucional que passei a adotar – disse o delegado.
A operação teve início às 5h da madrugada e reuniu 25 inspetores de polícia e dez viaturas. Foram preso Natanael Luís dos Santos, de 22 anos, conhecido como “Natan da Candelária” e Hugo Henrique Ribeiro da Silva, de 23. Segundo o delegado, Natan possui cinco passagens por homicídio na polícia. Ainda de acordo como o policial, num dos assassinatos que teria sido praticado pelo suspeito, em 2011, ele estrangulou e enterrou um jovem ainda vivo por causa de dívida de drogas.
– Porém, o mandado pelo qual Natan foi preso, seria por uma tentativa de homicídio – disse Armond.
Os policiais fizeram buscas na casa de Natan, no Belmonte, onde foram encontradas drogas. Por isso, a mulher do suspeito também foi levada para a delegacia, para ser averiguada pelo delegado, por causa de uma suposta participação dela com o tráfico de drogas.
Em seguida, foi preso Hugo numa casa no bairro Vale Verde. Os inspetores cumpriram mandado de prisão contra o suspeito por furto, roubo e tráfico de drogas.
Aos serem entrevistados por jornalistas, Hugo e Natan negaram participações nos crimes. Armond disse que dará continuidade a operação com a intenção de prender os outros acusados.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

8 comentários

  1. ÊTA POVINHO nem nem

    Parabéns delegado! Vamos colocar ordem nessa turminha “NEM NEM” (NEM trabalham e NEM estudam) dos papais e das mamães.

  2. morador da minha casa minha vida romaa I

    delegado precisa comparecer na casinhas novas no roma onde esta uma vergonha moleques vendedo
    droga a luz do dia e colocando terror nos moradores se denunciar le agredim

  3. Quero saber quando os órgãos de segurança irão começar a ter uma atuação significativa contra a venda de drogas aqui no Eucaliptal, tá uma pouca vergonha isso aqui, próximo a torre e ruas adjacentes, venda descarada em plena luz do dia… Alô 28 BPM e Policia Civil vamos atuar…

  4. Peço ronda no Jardim Belvedere aqui está tendo furto e roubo de dia. Eles entram nas residências e assaltam até as empregadas que vem trabalhar no bairro.

  5. O coro começou a comer isso ai delgado vamos manter os padrão e colocar essas raça ruim na cadeia

  6. COMENTARISTA DO D. V.

    Parabéns ao Dr Luiz Armond pelo trabalho. O senhor virá a todos os bairros? O bairro onde moro é um dos que à noite e de madrugada as pessoas de bem sentem dor de cabeça e irritam os olhos por causa do cheiro de “dama da noite”. Venha tomar um café comigo, será um prazer!

  7. To gostando.

  8. Parabéns ao novo delegado, chegou mostrando serviço.

Untitled Document