>
sexta-feira, 27 de maio de 2022 - 08:41 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Polícia mineira já identificou homem que mandou matar prefeito de Chiador

Polícia mineira já identificou homem que mandou matar prefeito de Chiador

Matéria publicada em 11 de fevereiro de 2016, 17:05 horas

 


Delegado confirmou que executores do crime, que moram em Três Rios, têm passagem pela polícia por tráfico de drogas

 

Juiz de Fora – Mar de Espanha

A Polícia Civil, por meio do 4º Departamento de Juiz de Fora (4º DEPPC) e da Delegacia de Mar de Espanha – pertencente à 1ª Delegacia Regional de Juiz de Fora –, apresentou, durante coletiva de imprensa realizada ontem,  em Juiz de Fora, dois jovens, de 18 e 19 anos, suspeitos de terem matado o prefeito de Chiador (MG), Moises da Silva Gumieri, na noite de terça-feira (09). Outro homem, de 24 anos, que seria o proprietário da motocicleta utilizada no crime, também foi preso em Três Rios, e contribuiu na elucidação do crime. A ação contou com apoio da Polícia Militar de Minas Gerais e das Polícias Civil e Militar do Estado do Rio de Janeiro.
Conforme o chefe do 4º DEPPC, delegado-geral Saed Divan, após diligências contínuas, a dupla foi capturada na tarde de quarta-feira (10), em uma fazenda localizada entre Chiador e Três Rios.
– As investigações começaram quando fiz o pedido de dados do chassi da moto usada no crime. Apesar de estar raspado, após conferência no sistema, conseguimos identificar o nome do proprietário do veículo e o endereço dele. Então, ele foi preso e informou que havia emprestado a moto para os dois autores – explicou o delegado.
Segundo o delegado de Mar de Espanha, Felipe Fonseca Peres, que também investiga o assassinato do prefeito, a arma usada no crime – um revólver calibre 38 – e a motocicleta também foram apreendidas. Os autores informaram que receberam R$ 4 mil para matar a vítima. “Mas não apontaram a motivação. Já identificamos o mandante desse crime e as investigações prosseguem”, enfatizou. Ainda segundo o delegado, os autores do crime têm passagens pela polícia por tráfico de drogas.
A dupla já depôs na 1ª Delegacia Regional de Juiz de Fora e foi autuada em flagrante por homicídio qualificado. Já o jovem de 24 anos, que emprestou a motocicleta para os suspeitos, também está sendo ouvido e alegou que não sabia que a motocicleta seria utilizada em um crime. De acordo com o delegado regional de Juiz de Fora, Eurico da Cunha Neto, as diligências prosseguem a fim de prender o mandante do crime.

Presos: Suspeitos do crime são levados para Delegacia Regional de Juiz de Fora (Foto: Cedida pelo 4º Departamento de Polícia Civil de Juiz de Fora)

Presos: Suspeitos do crime são levados para Delegacia Regional de Juiz de Fora
(Foto: Cedida pelo 4º Departamento de Polícia Civil de Juiz de Fora)


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document
close