sábado, 22 de setembro de 2018

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Réus são condenados a mais de 101 anos de prisão

Réus são condenados a mais de 101 anos de prisão

Matéria publicada em 15 de agosto de 2018, 11:26 horas

 


Um deles é Peterson, ´o Nego do Santa Cruz´ considerado de alta periculosidade

 Volta Redonda – O juiz da 1ª Vara Criminal de Volt Redonda, Ludovico Couto Colaciono, sentenciou nesta terça-feira, 14, a mais de 101 anos de prisão Peterson Francisco da Cruz, o Nego`, Denílson Ramos Martins, o `Sagat`, e Daniele Malvina da Silva.

Os três foram responsabilizados pela morte de Jéssica Marques da Silva e Felipe Augusto Soares. Os corpos foram encontrados no final de 2013, numa cova rasa, no Sítio do Mineiro, no bairro Santa Cruz.

Nego, considerado preso de alta periculosidade, foi acusado de mandar matar as vítimas. Segundo o Ministério Público, o réu também comandou o tráfico de drogas no Santa Cruz e tem uma vasta ficha criminal.

Ele também seria o mandante do assassinato de Fabiana Mota. O crime foi em 2012, no bairro Santa Cruz. O corpo dela foi encontrado dentro de um córrego no Sítio Água Limpa, dois meses após o seu desaparecimento.

O outro réu Denílson, que era gerente do tráfico drogas, e Danieli também teriam participado do crime. Segundo a polícia, Denílson ainda é suspeito de  matar ainda um homem no Morro da Caixa D’Água, em Santa Cruz. O homicídio foi no dia 13 de janeiro deste 2013.

Peterson foi condenado a 40 anos e 8 meses de reclusão, Denílson, a 35 anos e 4 meses de reclusão e Danieli, a 26 anos e meses também de reclusão.

3 comentários

  1. em um pais serio esse iria pra cadeira eletrica

  2. Estão presos? Irão recorrer em liberdade?

  3. Como são jovens se fosse no Texas, Colorado, Oklahoma, Nebraska, Utah, Arizona, Wyoming e adjacências ficariam 20 Aninhos presos e depois morte.
    Mas Rio de Janeiro Brasil condenados por homicídio leva pro currículo e põe respeito dentro da quadrilha.

Untitled Document