>
domingo, 3 de julho de 2022 - 21:14 h

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Suspeito de ser um dos chefes do tráfico de drogas na Monsuaba é preso

Suspeito de ser um dos chefes do tráfico de drogas na Monsuaba é preso

Matéria publicada em 15 de dezembro de 2020, 14:22 horas

 


Angra dos Reis – Policiais militares prenderam um homem suspeito de ser um dos chefes do tráfico de drogas na Monsuaba, e ainda apreenderam no último domingo (13), mais de mil pinos de cocaína e um quilo de maconha em tablete, também na Monsuaba. A ação foi possível após informações encaminhadas pelo Disque Denúncia (0300 253 1177) em Angra dos Reis.

De acordo com a equipe do 33º BPM, as informações davam conta de que um homem estaria em posse de materiais ilícitos em uma residência na Rua Leontino Cecílio de Carvalho, no Morro do Martelo. A equipe policial foi até o local denunciado e, já na residência, fizeram contato com a mãe do suspeito, já que o acusado encontrava-se dormindo.

Durante buscas no imóvel, foram encontradas drogas no interior da máquina de lavar, dentro do armário e até no quintal da residência. Ainda segundo os policiais, foram apreendidos 1025 pinos de cocaína, um quilo de maconha em tablete, 56 tiras de maconha e uma balança de precisão.

O homem seria um dos chefes do tráfico de drogas na Monsuaba e teria, inclusive, arremessado um artefato explosivo em uma base do PROEIS Monsuaba, além de realizar disparos contra uma equipe do 33º BPM há cerca de um ano.

Foi dada voz de prisão e o mesmo foi encaminhado à 166ª DP, onde a ocorrência foi registrada.

Vale reforçar que em Angra dos Reis, a população pode denunciar qualquer atividade criminosa ao Disque Denúncia, pelo telefone 0300 253 1177 (custo de ligação local) ou ainda pelo aplicativo para celulares “Disque Denúncia RJ”. Em todos os canais, o anonimato é garantido ao denunciante.

Foram apreendidos mais de mil pinos de cocaína e um quilo de maconha em tablete (Foto: Divulgação/Disque Denúncia)

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document