segunda-feira, 17 de fevereiro de 2020

TEMPO REAL

 

Capa / Polícia / Três homicídios são registrados na região

Três homicídios são registrados na região

Matéria publicada em 8 de janeiro de 2016, 08:03 horas

 


Dois homens foram mortos a tiros em Barra Mansa e um em Resende; crimes seriam premeditados, diz polícia

Barra Mansa e Resende – Num curto espaço de tempo, entre a noite de quarta-feira (7) e o fim da tarde de quinta-feira (8), a região registrou três assassinatos. Os crimes ocorreram em Barra Mansa e Resende, e segundo policiais das duas cidades, as características mostram que eles teriam sido premeditados e que o atirador matou por vingança, já que as vítimas foram executadas com vários tiros à queima-roupa (curta distância).

Em Barra Mansa, os homicídios aconteceram nos bairros Monte Cristo e Nova Esperança. No último, Leonardo de Almeida Amorim, o Leozinho, de 29 anos, foi morto na noite de quinta com tiros na cabeça e tórax, no Nova Esperança. Ele chegou a ser socorrido pelo Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) mas não resistiu aos ferimentos e morreu no local.
Agentes do Serviço de Inteligência (P-2), do 28º Batalhão da Polícia Militar, estiveram na cena do crime, assim como peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE).
O caso foi registrado na delegacia da cidade (90ª DP) e está sendo investigado pelo setor de homicídios. O chefe da seção, Reginaldo de Oliveira, disse que está tomando depoimento de testemunhas e apurando informações que vem recebendo.
Uma delas é de que Leozinho já teria passagem pela polícia por tráfico de drogas e que os criminosos teriam sido dois homens que estavam numa moto. Segundo testemunhas, um deles desceu do veículo e fez os disparos contra Leozinho.
Antes da morte no Nova Esperança, Reginaldo já vinha investigando outro homicídio ocorrido na quarta-feira, o que vitimou Marco Aurélio Félix da Costa, de 37 anos. Ele foi morto com dois tiros, um nas costas e outro na nuca. O crime ocorreu próximo à casa da vítima, na Rua Guilherme Marcone, no bairro Monte Cristo.
Sobre esse assassinato a polícia ainda não tem muitas informações, e por isso, Reginaldo solicitou às pessoas que possam colaborar com o trabalho de investigação que compareçam na delegacia ou telefonem: (24) 3328-4863. O anonimato é garantido.
Já em Resende, o delegado titular da 89ª DP, Marcelo Nunes Ribeiro, passou a apurar o assassinato de Fernando Ferreira Vitoriano, de 30 anos. O crime aconteceu na Rua dos Pica-Paus, no bairro Primavera, na região da Grande Alegria, no início da noite de quinta.
A vítima foi atingida por tiros na cabeça e no pulmão, e segundo o delegado, Fenando tinha saído há pouco da cadeia e foi visitar a mãe que mora numa área onde ele tinha inimigos do tráfico de drogas.
– Estou ouvindo familiares e pessoas que testemunharam o homicídio – disse o delegado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

13 comentários

  1. Avatar

    O sul fluminense virou uma Baixada com pizza frita…

  2. Avatar

    Tudo gente boa coitados morreran inocentemente por bala achada.

  3. Avatar

    Bia este Leonardo deve ser filho do capiroto o bicho era ruim demais com várias mortes pesando sobre seu ombro. Sua morte foi comemorada em toda comunidade, até fogos de artifícios foram ouvidos em comemoração ao seu assassinato. Não lamentem este com certeza não valia nada e ponto final.

  4. Avatar

    Esse Leonardo é filho de quem?

  5. Avatar

    QUER FUMAR UM DE GRAÇA MANO…NINGUÉM TRABALHA DE GRAÇA MANO…RESULTADO…VALA MANO.

  6. Avatar

    nova esperança ,boa sorte,roselandia esta sem lei,pessoas venden droga o dia inteiro,fuma no meio da rua,faz oque quer .alo policia vamos trabalhar alo prefeito a iluminaçao desses bairos esta pessima esta na hora de o sr e os vereadores trabalhar tambem!!!

  7. Avatar

    Planta Proibida,Mafia Agradecida!

  8. Avatar

    Liberação da maconha já ., com isso acabaria com os traficantes assassinos .

  9. Avatar

    É tem gente que luta pra que a maconha seja liberada, todos os crimes são impulsionados pela droga, seja qual for…

    • Avatar

      Muitos jovens viciados estão morrendo por que tem que comprar drogas com marginais traficantes e com isso são induzidos a comprar fiado para pagar depois como não pagam, acaba pagando com a própria vida ., se fosse liberada a maconha .,acabaria com os traficantes e com isso acredito que irá diminuir os assassinatos .,

  10. Avatar

    O fim de quem se habilita ao tráfico e uso de drogas geralmente é a prisão ou a morte… Vamos mudar de vida galera…Deus conforte o coração dos familiares

Untitled Document