>
quarta-feira, 6 de julho de 2022 - 19:41 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / AAP-VR comemora 43 anos com inauguração e baile

AAP-VR comemora 43 anos com inauguração e baile

Matéria publicada em 19 de maio de 2016, 22:41 horas

 


Prioridades: Além de prestar serviços aos associados, Ubirajara defende aposentados em Brasília

Prioridades: Além de prestar serviços aos associados, Ubirajara defende aposentados em Brasília

Volta Redonda – A Associação dos Aposentados e Pensionistas de Volta Redonda (AAP-VR) completa nesta sexta-feira (20), 43 anos de fundação. As comemorações começam às 08h30min, com o hasteamento da bandeira nacional , prosseguem às 10h30min com a inauguração da reforma do Instituto de Longa Permanência para Idosos (Ilpi), no antigo Asilo dos Vicentinos, no bairro Dom Bosco, e terminam com um baile festivo marcado para as 20 horas Centro Recreativo Paulo José Oliveira, na Praça Pandiá Calógeras, na Vila Santa Cecília, em Volta Redonda.
A AAP-VR conta, atualmente, com 35 mil associados ativos, contando apenas os titulares. Quando os dependentes são incluídos na conta, o número de pessoas atendidas supera os 100 mil. Esse grupo recebe assistência médica e odontológica, serviços de medicina preventiva, como acupuntura, RPG, fisioterapia, atendimento por assistentes sociais e psicólogos, serviços de assistência jurídica e de lazer.

Abrigo

O Ilpi é mantido exclusivamente pela AAP-VR, com recursos próprios, e atende no momento a 20 moradores. A instituição pertencia à Igreja Católica, que a passou para a prefeitura, que por sua vez fez um convênio com a Associação dos Aposentados e Pensionistas para que esta assumisse integralmente os custos da manutenção do local.

Direitos dos aposentados

O presidente da AAP-VR, Ubirajara Ramos, prioriza, além da assistência aos aposentados, a defesa de seus direitos. A associação – que é a maior do Brasil – promove viagens frequentes de grupos de aposentados a Brasília para acompanhar votações que interessam a seus integrantes, e Ubirajara costuma frequentar gabinetes de parlamentares comprometidos com a causa dos aposentados na capital federal, como o deputado federal Deley de Oliveira (PTB) e o senador Paulo Paim (PT).


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

2 comentários

  1. Idade MÍNIMA de 65 anos? se trabalhou (e contribuiu) desde os 18 anos serão quase 50 anos trabalhados. Poucos vão conseguir sobreviver por muito tempo depois de aposentar, por conta do desgaste físico, mental e financeiro. Se chegarem lá. Mais a redução do SUS, acho que é isso mesmo que a turma do PMDB, PSDB e PP no governo Temer está querendo, diminuir o número dos que chegam à terceira idade.

  2. ELE DEVERIA DEFENDER A IDADE MINIMA DE 65 ANOS PARA HOMENS E MULHERES.

Untitled Document