domingo, 20 de setembro de 2020 - 10:34 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Alex Martins participa de painel eleitoral do MEP

Alex Martins participa de painel eleitoral do MEP

Matéria publicada em 13 de agosto de 2020, 20:22 horas

 


Evento será realizado em três etapas e tem a finalidade de provocar reflexões nos cidadãos sobre as condições sociais e econômicas do município

Alex Martins participou de painel virtual do MEP
(Imagem: Reprodução)

Volta Redonda – O MEP (Movimento Ética na Política) promoveu na tarde desta quinta-feira (13), a primeira rodada do painel eleitoral. O evento, realizado em parceria com diversos movimentos populares, foi mediado pelo secretário geral do órgão,  José Maria da Silva, o Zezinho, e tem a finalidade de oferecer a sociedade reflexões sobre a construção e a possibilidade da política como um instrumento de serviço a comunidade.

O advogado e mestre em Direitos Sociais Alex Martins, pré-candidato ao Executivo pelo PSB, foi um dos participantes do evento. Em suas considerações iniciais fez uma breve apresentação da sua trajetória de vida e atuação social. “Quero saudar a toda equipe do MEP pela iniciativa e agradecer essa oportunidade. O MEP mais uma vez se lança na frente em defesa da democracia e demonstra sua preocupação com o futuro da nossa cidade. Sou nascido e criado em Volta Redonda, filho de operário aposentado e de dona de casa, 41 anos de idade e além da advocacia que me permitiu atuar em defesa dos trabalhadores por meio dos sindicatos, e ser presidente da OAB-VR por três mandatos, também sou professor universitário de Direitos Humanos e Direito Público na UGB/FERP. Na minha concepção de cidadão, é uma grande honra estar aqui debatendo Volta Redonda”.

Questionado pelo engenheiro João Thomaz sobre a administração do Hospital São João Batista por uma Organização Social (OS), Alex Martins pontuou que a saúde e um direito de todos e dever do Estado. “Assim sendo, é preciso resgatar a dignidade das pessoas que utilizam o sistema público de saúde. Os profissionais que atuam no Hospital São João Batista estão vivendo o caos, com subcondições de trabalho, desrespeito e descontrole dos atendimentos. A relação de trabalho de médicos e enfermeiros com a instituição é de Pessoa Jurídica. Desta maneira, lhes são negados direitos como carteira assinada, férias, 13º salários e outros. As OS são uma realidade no Brasil e em Volta Redonda não é diferente. O que era pra ser uma exceção se tornou regra na administração pública. Defendo a carreira pública e a lei, e com isto a realização de concursos e a valorização dos servidores, de forma organizada e estratégica”.

Na sequência, o presidente do Conselho Municipal de Mobilidade Urbana, João Alves Souza, apresentou uma série de propostas para o setor, como a execução de um Plano de Mobilidade Urbana, um novo edital para o sistema de transporte público, com aval do Comutran e a bilhetagem dos ônibus pela Secretaria de Planejamento Urbano. O pré-candidato pelo PSB disse que é necessário ir além. “Além dessas propostas, temos outras preocupações, como o espaço urbano livre para proporcionar o desenvolvimento humano e social, compreendendo os direitos de homens, mulheres, crianças, idosos e deficientes físicos e com foco no Plano Diretor do município e na Lei Orgânica. São necessárias políticas públicas que atendam efetivamente os interesses da população e resgate a identidade do município. Vamos enfrentar todas essas questões com a seriedade e coragem que merecem”.

Coube ao metalúrgico aposentado Edir Antônio indagar sobre a crise no mundo do trabalho provocada pelo coronavírus, a situação das cooperativas de catadores de recicláveis e o que fazer para garantir a iniciativa destes trabalhadores em buscar renda.

– A questão chave é a economia das pessoas e a economia pública. Antes da pandemia Volta Redonda e o Brasil já apresentavam índices preocupantes de desemprego e baixa capacidade de consumo. A gente precisa investir em políticas públicas que atraiam novos investimentos, mas que valorizem os já existentes, assim como em pesquisa e inovação tecnológica. Volta Redonda tem capital humano gabaritado por instituições, como a UFF, o Instituto Federal Tecnológico, as universidades, mas que não são convidados para debater o desenvolvimento. O último censo aponta que o município não é mais dependente da indústria e que a economia é fomentada pelo setor de bens e serviços. Por isto, é extremamente importante qualificar e dar condições de trabalho a esses empreendedores, através do Sebrae e outras instituições especializadas no setor. Vamos desenvolver um projeto para que Volta Redonda gere empregos inclusivos e invista no mercado digital – destacou.

No que se refere aos direitos humanos, a professora e representante da Pastoral da mulher Marginalizada abordou acerca das propostas de moradias para pessoas que residem em área de risco e de posse. O advogado Alex Martins afirmou que a propriedade é um direito constitucional, é o direito de ser feliz com dignidade. “É papel do poder público enfrentar e combater as desigualdades sociais e humanas. Precisamos dar luz as pessoas que estão na sociedade de maneira invisível, como a mulheres espancadas, os jovens abusados sexualmente e outros cidadãos. Além disso, resgatar o papel da Cohab na construção de moradias dignas para pessoas de baixa renda e elaborar projetos técnicos que nos permita buscar recursos juntos aos governos federal e estadual para garantir os direitos civis, entre eles, o da moradia. O básico está faltando. Nossa pré-candidatura não vai salvar o mundo, mas vai ajudar a enfrentar os grandes desafios existentes na cidade”.

Encerrando a rodada de perguntas, a professora Sônia Leite apresentou o perfil do setor da educação, cultura e esportes, perguntando sobre as propostas existentes. Martins afirmou que a escola precisa ser democrática, aberta e desejada de ser frequentada por familiares dos alunos e a comunidade. “Precisa ser um espaço de ponto de encontro. Mas, para isso é necessário e importante pensar a educação do ponto de vista do professor, buscando saber como está a vida desse profissional quando ele deixa a sala de aula, sua relação familiar e amigos e até a sua situação financeira. A prefeitura precisa ser amiga do professor, pois ele é responsável pela formação humana dos cidadãos do nosso município. Precisamos implementar a autonomia pedagógica, oferecer a oportunidade de pós-graduação e estimular cada vez mais o conhecimento. No que se refere à cultura e esportes, queremos criar agendas nos bairros que favoreçam a inclusão e despertem vocações. São projetos de futuro eu começam a ser realizados agora”..

Em suas considerações finais, a advogado pontuou sobre a plataforma virtual #PARTICIPAVR, através do site https://alexmartins.financie.de, como forma de diálogo com a população para a construção do Plano de Governo.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

22 comentários

  1. Avatar

    Graças á Deus teremos outros candidatos!Porque estão novamente apostando nas promessas sem realmente saber qual a realidade que vão encontrar e um desconhecido e depois querem reclamar!Porque esse novo politico não se elege vereador e depois já realmente conhecendo o que é a cidade se candidata a prefeito?

  2. Avatar

    Uma união progressista em Volta Redonda com o Dr. Habibe e o Dr. Alex seria uma boa alternativa para derrotar os oportunistas de plantão (samuca – oportunista de fato, e os que virão as custas do neto, que está inelegível).

    • Avatar

      Só faltava virem no partido PSL!!!Que não sabem olhar para os pobres,negros e todos os brasileiros que não são convenientes para eles.

  3. Avatar

    “política como um instrumento de serviço a comunidade”… Quanta hipocrisia. Política que beneficia uma pequena elite, de políticos, de funcionários públicos e etc.

    Com certeza não se falou das mais de 400 estatais que servem apenas a um seleto grupo em detrimento de toda população, e que poderiam então ser privatizadas.

    Com certeza não se falou sobre os 15% do PIB que vão para bancar um seleto grupo de políticos e func. públicos pagando salários muito além da iniciativa privada e que não tiveram nem 1% de redução nessa crise.

    Poderia aqui continuar falando sem parar, mostrando o quanto a máquina pública é uma verdadeira máquina de desigualdades e injustiças contra os mais pobres. Até mesmo o ensino superior público beneficia a maioria de alunos que teriam condições de pagar por ensino particular em detrimento dos mais pobres, que pagam a conta.

  4. Avatar

    O Alex Martins fez uma excelente apresentação e não tenho nenhuma dúvida que será um prefeito justo, gestão humanista e inteligente.

  5. Avatar

    O samuca também era o melhor, só NULIDADES e os OPORTUNISTAS de sempre, prefiro que VR fique sem prefeito.

  6. Avatar
    Marcos F. Damasceno

    POXA, AÍ NÃO NÉ !! Foi um debate com 2 candidatos, Alex e Juliana do PSOL. Como pode só mencionar o ALEX? Eu assisti e a professora Juliana foi até mais contundente e objetiva do que ele. Que imparcialidade é essa do jornal? Que feio ignorar a outra candidata. A democracia vive momentos terríveis no país atualmente. QUE ABSURDO !!

    • Avatar

      Como o Jornal pode falar de um evento que tenta democratizar as informações citando apenas um pre candidato, um vez que tínhamos também a pré candidata Juliana, do PSOL?

  7. Avatar

    PARABÉNS Alex martins nosso futuro prefeito

  8. Avatar

    Excelente participação. Sem dúvida o melhor candidato para tratar da evolução do município com muito profissionalismo, planejamento, seriedade, ética e competência! Vc é a minha única esperança Alex….

  9. Avatar
    MARIO CARLOS GARCIA DUARTE

    Parabéns ao Dr. Alex Martins por suas idéias para uma Volta Redonda melhor.

  10. Avatar

    Parabéns ao MEP pela iniciativa. Parabéns ao nosso Presidente do Conselho de Transportes por ter colocado tão bem os problemas de Mobilidade da cidade. Parabéns ao Alex por considerar todas as questões reais e ainda complementar com o problema da ocupação urbana e a democratização dos espaços. Muito bom.

  11. Avatar
    Dilson de Almeida Lyra

    Parabéns Alex Martins, muito objetivo, se mostrando preparado para comandar no querida Volta Redonda!!!!

  12. Avatar
    Leandro Pereira de Souza

    Ótima iniciativa do MEP/VR, sem dúvida o candidato Alex Martins se mostrou o mais preparado face ao que foi proposto no painel.

  13. Avatar

    Se tem um pré candidato que se preparou estudando as questões de saúde, transporte e moradia, esse pré candidato é o Alex Martins!
    Tem um conhecimento geral da nossa cidade e não tem medo de andar pela periferia.

  14. Avatar

    Alex Martins é a pessoa certa no momento que a população de Volta Redonda mais precisa.

  15. Avatar

    Alex Martins se mostra bastante preparado e com foco na saúde e educação.
    Parabéns Alex Martins nosso futuro prefeito da nossa Cidade.

  16. Avatar

    Alex Martins mais uma vez se mostrou preparado e comprometido com os problemas de Volta Redonda.
    Respondeu todas as questões com clareza sempre sensivel às questões sociais.
    Esse tem meu apoio.

  17. Avatar
    Rodrigo da Silva Gomes

    Alex Martins se mostrou seguro nas respostas e conhecedor dos problemas atuais da cidade. E, acima de tudo, apresentou propostas para soluções.
    Gostei demais. Está preparado para assumir o cargo.

  18. Avatar

    Eu assisti, achei de grande valia esse painel, Alex Martins como sempre, muito inteligente, claro e objetivo em suas colocações. ALEX MARTINS esse é o nome, tem a cara de Volta Redonda.

  19. Avatar
    André Luis Vieira da Silva

    Valeu Alex . Arrebentou..

Untitled Document