>
quinta-feira, 11 de agosto de 2022 - 02:04 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Antonio Furtado comemora aprovação de margem do consignado e ampliação dos beneficiários

Antonio Furtado comemora aprovação de margem do consignado e ampliação dos beneficiários

Matéria publicada em 30 de junho de 2022, 19:34 horas

 


Foto: Divulgação
Antonio Furtado diz que mudanças permitem que mais brasileiros se beneficiem do empréstimo consignado

Volta Redonda – O deputado federal Delegado Antonio Furtado comemorou a aprovação da medida provisória que aumenta o limite dos empréstimos consignados para segurados do INSS, empregados celetistas e servidores públicos. Além disso, autoriza a modalidade para os beneficiários do BPC/LOAS, da RMC (Renda Mensal Vitalícia) e do Auxílio Brasil. A MP agora será analisada pelo Senado. Em nota, a assessoria do deputado destacou que ele vem se dedicando amplamente às pautas com foco nos direitos de aposentados e pensionistas.

O empréstimo consignado é caracterizado pelo desconto das parcelas em folha de pagamento ou benefício, de forma automática. Furtado explicou que a margem consignada é o limite máximo que pode ser comprometido da remuneração. Para o deputado, a aprovação é importante e vai colaborar para que muitas pessoas possam lidar melhor com suas necessidades financeiras.

Com a alteração, o parlamentar explicou que aposentados do INSS terão a margem ampliada de 40% para 45%. O acréscimo também vale para os beneficiários do BPC/LOAS e Renda Mensal Vitalícia. Já para servidores públicos ativos e inativos, empregados celetistas, pensionistas e militares, a margem passa de 35% para 40%. Recebedores do Auxílio Brasil também contarão com a margem de 40%, caso desejem contratar um empréstimo consignado.

– Foi uma semana muito produtiva e de resultados positivos. Pelo risco de inadimplência ser menor nessa modalidade, os juros são mais baixos se comparados com outras operações. É uma possibilidade dos brasileiros usufruírem do empréstimo sem maiores prejuízos. É uma ajuda para quem precisa de um valor extra – concluiu o deputado.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document