quarta-feira, 20 de outubro de 2021 - 07:46 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Barra do Piraí estuda PPP em lugar de Cedae concedida

Barra do Piraí estuda PPP em lugar de Cedae concedida

Matéria publicada em 4 de setembro de 2021, 14:27 horas

 


Esteves afirma que esatuda PPP do saneamento há quatro anos
(Foto: Reprodução)

Barra do Piraí – O município de Barra do Piraí, no Sul do estado, não está inserido na elaboração das análises técnicas da concessão do novo bloco de saneamento, conforme anunciaram vários veículos de comunicação do estado e do país. Segundo o prefeito de Barra do Piraí, Mario Esteves, apesar de torcer pelo projeto do Governo do Estado, ele relembra que, desde que assumiu a sua primeira gestão, em janeiro de 2017, vem estudando, juntamente com técnicos da Secretaria Municipal de Água e Esgoto, maneiras de aplicar parceria Público Privada (PPP) na concessão de água e esgoto barrenses.

— Já estamos nesse processo há quatro anos. É uma obra orçada em mais de R$ 200 milhões e que vai mudar o cenário do saneamento barrense. Esses estudos foram feitos e encaminhados, várias vezes, para apreciação do Tribunal de Contas do Estado, o TCE, e que já nos deu parecer favorável para a sua execução. Sabemos – e elogiamos – a iniciativa do governador Cláudio Castro, mas Barra do Piraí não vai entrar neste bloco de concessões. Pode ter havido um mal entendido — frisa Mario Esteves.

A notícia foi dada na tarde desta sexta, 01 de setembro, onde diz que o Governo do Estado do Rio de Janeiro assinou, na terça-feira, 31 de agosto, o contrato com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para tal estudo. O município barrense estaria, conforme a reportagem, no chamado “novo bloco 3”.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document