quinta-feira, 2 de dezembro de 2021 - 16:20 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Câmara vai devolver R$ 800 mil para prefeitura combater o coronavírus

Câmara vai devolver R$ 800 mil para prefeitura combater o coronavírus

Matéria publicada em 14 de maio de 2020, 09:52 horas

 


Volta Redonda – O presidente da Câmara Municipal, Nilton Alves de Faria, afirmou que a Casa votará no início da próxima semana um projeto de resolução para destinar R$ 800 mil ao combate ao coronavírus. O dinheiro virá do Fundo Especial, criado no passado para guardar os recursos que sobram do valor do duodécimo repassado anualmente pela prefeitura para custeio do Legislativo. Ao longo do tempo de criação do fundo, essas sobras resultaram no acúmulo de R$ 800 mil.

De acordo com Neném, houve um consenso entre os vereadores da atual legislatura para que os recursos fossem repassados ao Executivo. “O projeto, se confirmada a aprovação, vai passar de uma vez só todo o recurso do fundo para que o governo municipal utilize no combate e controle da pandemia, bem como para o tratamento das pessoas. Volta Redonda tem um grande número de casos e a Câmara mais uma vez vai fazer sua parte no sentido de ajudar a população”, disse Neném.

O vereador ressaltou que a proposta foi muito bem acolhida por todos os demais colegas de plenário e acredita que a aprovação será imediata. “É uma medida sensata e histórica. Sensata pois não existe isso de dinheiro do Executivo e dinheiro do Legislativo.  Esse dinheiro é da população  e tem de ir para onde mais precisa. É histórica, pois mostra que todos aqui na Casa deixaram de lado eventuais diferenças para se unirem em torno de um propósito maior”, destacou.

O presidente da Casa disse ainda que um artigo do projeto de lei prevê que a aplicação dos R$ 800 mil deverá ser feita de forma transparente, com ampla divulgação no site da prefeitura. “São apenas duas condições para que a doação seja efetivada. A primeira é que tudo seja aplicado no combate a essa doença. A segunda é que tenha transparência máxima. Foi apenas isso que os vereadores pediram, pois a liberação desse dinheiro é uma decisão coletiva. Não é uma ação do presidente, de ‘A’ ou ‘B’. É de todos”, afirmou.

Edson Quinto diz que esforço valeu a pena

O vereador Edson Quinto, que foi presidente da Câmara Municipal em 2019, quando foi feita a economia do valor que Neném vai devolver à prefeitura, afirmou que o fato de o dinheiro ser empregado numa causa nobre, como o combate à pandemia, é um incentivo á responsabilidade no trato das verbas públicas:

“Esse valor que foi economizado e volta agora para ser aplicado no combate a essa pandemia terrível mostra que devemos ter responsabilidade no uso do dinheiro do contribuinte”, declarou.

Edson também lembrou que os R$ 864.772,96 que foram economizados em sua gestão do ano passado representam a maior economia feita desde 2010.

 

Neném diz que projeto é fruto de uma decisão coletiva


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. É uma medida muito boa para a cidade ao menos é algo bom para a prefeitura combater a doença e que têm feito um trabalho com muito profissionalismo sorte da população de Volta Redonda, pois se o prefeito fosse irresponsável, como alguns aí na região, o número de mortes seria muito maior.

Untitled Document