Futuro Secretário de Infraestrutura faz levantamento e planeja ações com Neto

by Diário do Vale

Foto: Divulgação

Volta Redonda – O futuro Secretário Municipal de Infraestrutura, Jerônimo Teles, tem pronto um levantamento inicial da situação de manutenção da cidade. Com isso, uma ação emergencial já foi traçada para os primeiros dias do ano e aprovada pelo prefeito eleito, Antônio Francisco Neto.

Mesmo com a reunião de transição marcada apenas para esta segunda-feira, dia 28, Jerônimo e parte das pessoas que vão integrar sua equipe já estão em campo desde o dia 21 de dezembro. Assim como na Saúde e em outras áreas específicas, foi possível levantar dados sem a necessidade de passar pela equipe que atualmente comanda a cidade.

“Esse levantamento não depende de transição e o Neto nos passou para tentar adiantar tudo que for possível. A situação na cidade já não era boa e com as chuvas está cada vez pior”, disse Jerônimo.

A manutenção nos bairros e na região central da cidade foi um dos temas mais abordados por Neto durante a campanha. Os primeiros levantamentos, no entanto, mostram que a recuperação da cidade exigirá mais que boa vontade neste início do novo governo. Máquinas e caminhões estão parados, ironicamente também por falta de manutenção.

As informações constam no relatório montado por Jerônimo e já entregue a Neto. Além disso, os funcionários da SMI cruzaram os braços na última semana e já prometem nova manifestação nesta segunda-feira, dia 28. “Vamos com o que temos para as ruas tentar resolver os problemas. O Neto já falou que a população não escolheu essa equipe para reclamar, mas para trabalhar. Já estamos fazendo isso”, disse.

You may also like

8 comments

Alexandre 28 de dezembro de 2020, 08:47h - 08:47

Se com salário em dia o funcionário público já não gosta muito de trabalhar, imagina sem salário então…

Emir Cicutiano 28 de dezembro de 2020, 08:31h - 08:31

A rotatória do Vivenda do Lago, na Rodovia dos Metalúrgicos, mais uma vez apresenta imensas crateras. Quem fez aquilo deveria ser processado por ato lesivo aos cofres públicos! Mexem, mexem e nunca resolvem! Serviço de porco, de gente incompetente… Deveria haver um prazo de garantia, igual acontece com os produtos que compramos na loja…

Carlos 28 de dezembro de 2020, 07:19h - 07:19

Primeiro funcionalismo e depois cidade.chega de ficar enrolando. PCCS, 13, salário e pronto.isso aí é acabou, deixa o blá,blá, blá de lado.

Bundinha 28 de dezembro de 2020, 08:27h - 08:27

Vai achando mesmo. Vc vai morrer e não vai encontrar um prefeito que coloque o funcionalismo em primeiro lugar, até porque prefeitura não existe para agradar servidor, mas sim prestar atendimento ao público.

Morador de VR 27 de dezembro de 2020, 22:47h - 22:47

Vou comprar uns Cavalos e trabalhar com UBER Cavalo, devido a tantas CRATERAS nessa Cidade, graças ao GESTOR chamado SAMUCA.

Ferrados 27 de dezembro de 2020, 21:45h - 21:45

Essa é a mesma panela que o neto tá colocando no seu governo são os mesmos dos governos passado dele, não é a toa que a prefeitura tá quebrada.

Funcionário concursado 27 de dezembro de 2020, 20:19h - 20:19

Estou preocupado é com meu salário, décimo terceiro,que até hoje não saiu contas atrasadas e dispensa ficando cada dia mais vazia. como diz o ditado saco vazio não para em pé.
quem trabalha quer salário e sem salário não há trabalho.

Jorge Lucas 27 de dezembro de 2020, 20:11h - 20:11

Avante Neto!
O povo te escolheu para ser nosso Líder e nosso gestor!

Comments are closed.

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996