domingo, 17 de outubro de 2021 - 18:55 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Jordão conversa com vice-almirante sobre profissão de marinheiro

Jordão conversa com vice-almirante sobre profissão de marinheiro

Matéria publicada em 6 de fevereiro de 2017, 21:15 horas

 


Projeto: Jordão e Wilson Pereira conversam sobre regulamentação da profissão de marinheiro de esporte e recreio

Projeto: Jordão e Wilson Pereira conversam sobre regulamentação da profissão de marinheiro de esporte e recreio

 

Angra dos Reis – O prefeito de Angra dos Reis, Fernando Jordão (PMDB), recebeu na tarde de sexta-feira (3), o Vice-Almirante Wilson Pereira de Lima Filho, Diretor de Portos e Costas da Marinha do Brasil; o delegado da Polícia Federal, Adriano Antônio Soares, comandante do Colégio Naval, Fabrício Fernando Nazareth Duarte; delegado da Capitania dos Portos, Manoel Antônio da Cruz, entre outras autoridades, numa cerimônia de agradecimento aos representantes dessas instituições que contribuíram e apoiaram o processo de formatação do projeto de lei de regulamentação da profissão de marinheiro de esporte e recreio, PL de autoria do então deputado federal Fernando Jordão, que tramita no Congresso Nacional e que já foi aprovado por duas comissões na Câmara Federal: a de Viação e Transporte, e a de Trabalho, Administração e Serviço Público. A matéria está sendo analisada pela comissão de Constituição e Justiça, última etapa para, em seguida, ir para votação em plenário.
Jordão presenteou o Vice-Almirante e o delegado a PF com o livro “Angra Ontem e Hoje”, de Miguel Assad, cujo conteúdo mostra a história da cidade com um acervo de fotos da cidade do início do século passado até os dias atuais e a bandeira do município. O Vice-Almirante desenvolveu uma apresentação em powerpoint, sobre o papel da autoridade marítima e as considerações sobre a futu7ra profissão de marinheiro.
“A regulamentação da profissão de marinheiro de esporte e recreio, que hoje é considerada apenas uma ocupação, representa muito para os amadores do setor náutico como Arrais, Mestre e Capitão, que passarão a ter sua profissão reconhecida. O projeto de lei vai beneficiar todos os marinheiros no país, e falando especificamente da região da Costa Verde, nos municípios de Angra, Mangaratiba e Paraty, aproximadamente 11 mil profissionais serão beneficiados”, disse o prefeito.
Também participaram do evento, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores Náuticos em Marinas do Estado do Rio de Janeiro  – SindnáuticoRJ, Fernando Figueiredo e um grupo de marinheiros da região.
Os relatores das comissões que aprovaram o PL por unanimidade são os deputados João Paulo Papa (PSDB-SP), na Viação e Transportes e Geovania de Sá Rodrigues (PSDB-SC), de Trabalho, Administração e Serviço Público. Agora, na comissão de Constituição e Justiça, o acompanhamento do projeto de lei será feito pela deputada Soraya Alencar dos Santos (PMDB-RJ), que tem tudo para ser a relatora.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)
Untitled Document