;
segunda-feira, 30 de novembro de 2020 - 23:29 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Nelson Gonçalves se manifesta contra reserva particular na Floresta da Cicuta

Nelson Gonçalves se manifesta contra reserva particular na Floresta da Cicuta

Matéria publicada em 15 de fevereiro de 2016, 19:26 horas

 


Deputado apresenta abaixo assinado de 54 colegas da Assembleia Legislativa contra projeto de Índio da Costa

Reunião: Nelson Gonçalves afirmou que Índio da Costa se propôs discutir o projeto sobre a Cicuta em Barra Mansa

Reunião: Nelson Gonçalves afirmou que Índio da Costa se propôs discutir o projeto sobre a Cicuta em Barra Mansa

 

Volta Redonda e Rio – O projeto de lei do deputado federal Índio da Costa (PSD), prevendo a recategorização de Arie (Área de Relevante Interesse Ecológico) para RPPN (Reserva Particular do Patrimônio Natural) da Floresta da Cicuta, levou diversas lideranças de Volta Redonda, ontem, ao Rio de Janeiro para apresentarem manifesto contrário à proposta defendida pelo parlamentar.
O deputado estadual Nelson Gonçalves, do mesmo partido, entregou abaixo assinado onde 54 dos 70 parlamentares da Alerj, também se manifestaram a favor da manutenção da Floresta da Cicuta como Arie, gerenciada pelo ICMBio.
No documento, elaborado a pedido de Nelson Gonçalves, cuja cópia segue para a Ministra de Estado do Meio Ambiente, Izabella Mônica Vieira Teixeira, e para o presidente do Instituto Chico Mendes de Preservação da Biodiversidade (ICMBio), Cláudio Carrera Maretti, os parlamentares expressam uma série de motivos contrários à recategorização da Floresta da Cicuta. Um deles é o fato de os poderes públicos do estado e região ficarem desprovidos de amostras da natureza original existente na mata.
As lideranças afirmam ainda que tal medida poderá ainda representar o fim das visitações com o objetivo educacionais, abrindo possibilidades para visitações educativas e turísticas, assim como o fim da fiscalização ambiental na localidade.
Os deputados garantem ainda que a transformação da Floresta da Cicuta em RPPN proposta pelo projeto de lei inviabiliza as parcerias com a sociedade, o apoio social em busca da proposta de conservação da localidade.
— Ao ler todos os argumentos o deputado Índio da Costa foi bastante receptivo e marcou nova reunião, que deverá acontecer em Barra Mansa, para discutirmos novamente este assunto, nesta cidade, de onde partiu a proposta para elaboração deste projeto — ressaltou o deputado Nelson Gonçalves, acrescentando que cópia do manifesto entregue ao deputado seguirá para o Ministério do Meio Ambiente.

Início

A alteração na categoria da Floresta da Cicuta, inicialmente foi proposta pela direção da CSN, em documento enviado ao ICMBio (Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade), em fevereiro. Da mesma forma, o pedido seguiu para o Ministério do Meio Ambiente. A ideia da CSN era que a alteração viesse em forma de decreto, mas após mobilização da sociedade o próprio Governo Federal decidiu que a mudança teria de ser feita por projeto de lei.
Logo depois a proposta surgiu através de projeto de lei do deputado federal Índio da Costa. Além do deputado estadual Nelson Gonçalves (PSD), a reunião contou com a presença do vereador José Jerônimo e membros da Comissão Ambiental Sul. Para o representante da Comissão Ambiental Sul, José Maria da Silva, o Zezinho, se o deputado federal levar em consideração o ponto de vista técnico, a Floresta da Cicuta deverá ser mantida como ARIE. “A reunião foi bastante produtiva e acredito que nossos argumentos técnicos sejam suficientes para evitar que esse projeto seja levado adiante”, concluiu Zezinho.

 

Deley quer integrar Comissão de Meio Ambiente
para tentar rejeição do projeto de Índio da Costa

 

O deputado federal Deley de Oliveira (PTB) pediu para integrar a Comissão de Meio Ambiente da Câmara dos Deputados com o objetivo de lutar pela rejeição do projeto apresentado por Índio da Costa. Ele disse que considera importante a iniciativa de Nelson Gonçalves de argumentar com seu colega de partido.
— Quanto mais pessoas se interessarem em resolver essa questão, melhor. Espero que o deputado Índio da Costa decida retirar esse projeto, mas, se isso não acontecer, não vou poupar esforços para fazer com que ele seja rejeitado — afirmou Deley.
Deley afirmou ainda que acredita que Índio da Costa possa mudar de ideia a partir da reunião que está programada para a região, quando integrantes da Comissão Ambiental Sul e de outras organizações contrárias á mudança de categoria da Floresta da Cicuta poderão apresentar seus argumentos.
— Seria importante que, além do deputado, o secretário estadual do Ambiente, André Corrêa, e o presidente do ICMBio, Cláudio Maretti, participassem da reunião — concluiu Deley.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

18 comentários

  1. Avatar
    É BRINCADEIRA NÉ...

    AGORAAAAAAA, PRIMEIRO OS CARAS ENTRAM, TIRAM AS PISTAS DE CAMINHADA DA FAZENDA SANTA CECÍLIA, DEPOIS OS GRINGOS VEM E POLUEM NOSSOS RIOS, DEPOIS ELE PENSA QUE ATÉ AS CASAS EM CIMA DA ESCOLA TÉCNICA PANDEACALÓGICA ERAM DELE TAMBÉM, FAZEM TUDO E OS GOVERNANTES FICAM PENSANDO EM COMO ENRIQUECEREM DE FORMA ILÍCITA SEM CHAMAR MUITA A TENÇÃO, DEPOIS ELES FAZEM M EM CIMA DA GENTE E AI QUANDO COMEÇA A FEDER DEMAIS, É QUE ACORDAM.
    E OLHA QUE ELES SABEM MESMO COMO SACANEAREM OS NECESSITADOS, OS APOSENTADOS COM PRIMASIA, A EXEMPLO DO PESÃO

  2. Avatar

    Parabéns Deputado por nos defender…o Jonas Prefeito de B Mansa joga contra a vontade da população e terá troco em outubro.

  3. Avatar

    Sr. Deputado índio da Costa!!! Dá uma olhadinha para o antigo escritório central da CSN, aquilo é um verdadeiro exemplo de como a siderúrgica se preocupa com nossa cidade, mete o apito lá primeiro!!!!

  4. Avatar
    Visualizador e Cidadão

    Pois é Marinho. Muito bem. que opinião mais sem conhecimento, sabe o que, mantém sua sobrevivência e o ar que respira? Nessa cidade poluída, sabe o que ? pois é. Essa mata meu amigo. lamentável seu comentário. Boa iniciativa das pessoas envolvida em não deixar isso acontecer.

  5. Avatar

    Assim como foi criado o Parque do Itatiaia, o Parque da Tijuca e Parque estadual da Pedra selada é só criar o Parque estadual da Reserva da Cicuta .Um parque ecológico de reserva ambiental.

  6. Avatar
    Rodinei Octavio Barbosa

    Muito Bom Dr. Nelson Gonçalves, o senhor esta de parabéns pela iniciativa, não podemos deixar a CSN responsável por uma reserva natural como a cicuta, pois a CSN não esta nem ai para o Meio Ambiente, acho que ela deveria investir em ações que diminua o impacto que ela mesmo proporciona…

  7. Avatar

    Não sei não, tudo que o estado toma conta vira casa de ninguém……as terras que a CSN toma conta em Volta Redonda, estão cercadas, sendo cuidadas e NÂO VIRAM FAVELAS E NEM POSSES, enquanto isso………onde o estado toma conta …………..a Cicuta está bem com quem está, não sei o que o municipio, estado e federação ganham com isso exceto conseguir mais algumas vagas para colocar apadrinhados

    • Avatar

      Fonseca procura se informar mais amigo sobre o que acontece com a Cicuta. Quanto as terras da CSN o que de produtivo a Empresa faz com elas. nada.

  8. Avatar

    Parabéns pela preocupação deputado Nelson, é lamentável que ainda existam pessoas que ignoram a importância de uma mata na cidade. infelizmente o conhecimento não chega a todos.

  9. Avatar

    Só espero que a população de Volta Redonda, RJ não tenha que tirar dinheiro do bolso ou seja mais impostos para manter esta mata, o que tem de pessoas perdendo emprego em nossa REGIÃO e os caras discutindo sobre mata da cicuta. Estas mudanças deve ser para o pior, no fundo no fundo vai sobrar para população meter a mão no bolso para manter esta mata.

  10. Avatar

    Boa Deputado Nelson, apesar de muita gente falar bobagem por ai, essa e uma acao importante em defesa da floresta e de atuacao de um Deputado. Ganhou mais um ponto com a comunidade e movimento ambiental. Apesar de muita gente nao saber o que e isso e falar asneira.

  11. Avatar
    Cidadão voltaredondense

    Será que esta novela “A Cicuta ” terá um final feliz ? Porque até agora está é enchendo o saco.

Untitled Document