Neto fará licitação para nova empresa de coleta de lixo

by Diário do Vale

Pedro Borges

[email protected]

O prefeito Antônio Francisco Neto (PMDB) afirmou hoje (03) que Volta Redonda terá uma nova empresa de coleta de lixo a partir do dia 27 de fevereiro. A decisão foi tomada após mais uma reunião com representantes da Multi Ambiental, atual empresa responsável pela coleta, para cobrar soluções sobre os problemas apresentados pelo serviço nos últimos dias.

– Tivemos mais uma reunião muito delicada sobre o assunto. Pedi novamente para que melhorassem o atendimento, pois atualmente estão prestando um serviço de péssima qualidade, deixando muito a desejar. Em razão disso, já está marcado para o dia 27 uma nova licitação para definirmos uma nova empresa, já que ficar só multando a atual não está adiantando – destacou.

Durante a reunião, Neto chegou a ligar para o presidente da empresa para cobrar dele melhorias no atendimento. Em resposta, Neto disse que recebeu garantias que o serviço irá melhorar.

– Liguei para o presidente e falei que o serviço estava muito ruim e que tinha que melhorar. Ele se comprometeu a melhorá-lo. Colocando mais caminhões nas ruas para atender a demanda de toda a cidade – pontuou.

Apesar do da licitação estar marcada para 27 de fevereiro, Neto afirma que caso o serviço não melhore nos próximos dias, irá fazer um contrato de emergência com uma nova empresa.

– A licitação irá acontecer. Apesar disso, eu deixei claro que eles terão que melhorar o serviço imediatamente. Não gostaria de fazer um contrato emergencial para trocar imediatamente de empresa sem a licitação, mas se for preciso irei fazer – enfatizou.

Problema antigo

Essa não foi a primeira vez que Neto chamou em seu gabinete representantes da empresa Multi Ambiental para cobrar melhorias no serviço. No começo do ano, o prefeito realizou uma reunião para saber o que aconteceu durante as festas de fim de ano, quando aconteceram problemas na coleta de lixo. Na ocasião, Neto falou ainda que tinha a informação que apenas seis, dos 11 caminhões responsáveis pela coleta estariam nas ruas.

Em resposta, os representantes da Multi ambiental afirmaram que estavam trabalhando para agilizar a manutenção dos caminhões, já que, segundo eles, por causa do processo interno da empresa, a compra de peças depende de autorização da sede, em São Paulo, o que pode levar até dois dias, tempo em que o veículo permanece parado.

A empresa também se comprometeu a alocar mais caminhões ainda esta semana, para solucionar o problema na coleta de forma emergencial. Os representantes da Multi ambiental afirmaram ainda que a intenção é “melhorar o serviço em Volta Redonda e manter a confiança da prefeitura, renovando o contrato do serviço de coleta de lixo na cidade”.

 

You may also like

diário do vale

Rua Simão da Cunha Gago, n° 145
Edifício Maximum – Salas 713 e 714
Aterrado – Volta Redonda – RJ

 (24) 3212-1812 – Atendimento

(24) 99926-5051 – Jornalismo

(24) 99234-8846 – Comercial

(24) 99234-8846 – Assinaturas
.

Image partner – depositphotos

Canal diário do vale

colunas

© 2024 – DIARIO DO VALE. Todos os direitos reservados à Empresa Jornalística Vale do Aço Ltda. –  Jornal fundado em 5 de outubro de 1992 | Site: desde 1996