sexta-feira, 16 de abril de 2021 - 21:16 h

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Projeto de Tutuca cancela leilão de trens do Corcovado

Projeto de Tutuca cancela leilão de trens do Corcovado

Matéria publicada em 25 de março de 2021, 19:07 horas

 


Gustavo Tutuca destaca importância histórica dos trens do Corcovado

Rio – Foi aprovado nesta quinta-feira (25/03) o projeto de lei 3919/2021, dos deputados estaduais Gustavo Tutuca e André Ceciliano, que pede o tombamento, por interesse turístico, histórico e cultural, dos trens de cremalheira que operaram durante 40 anos na Estrada de Ferro do Corcovado, levando os visitantes até o maior cartão postal do Brasil e uma das sete maravilhas do mundo: o Cristo Redentor. O PL prevê o tombamento de cinco composições fabricadas pela Empresa Suíça SLM / BBC (Swiss Locomotive and Machine Works Winterthur), no ano estimado de 1978.

Os trens funcionaram no local do ano de 1979 a 2019, quando foram substituídos e ficaram sob responsabilidade do Ministério do Meio Ambiente, por meio do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio). Neste ano, foi anunciado o leilão das composições. A partir da movimentação causada pelo projeto de lei, o ICMBio cancelou o leilão, que estava previsto para o próximo dia 31.

Para o deputado Gustavo Tutuca, a intenção é preservar e dar o destino à altura do que os trens significam. “Esse projeto é muito importante pelo valor histórico que os bondinhos têm, principalmente para o turismo. Nós vamos impedir que os trens sejam vendidos e acabem virando sucatas. Essa era a nossa maior preocupação. Com esse tombamento, nós salvamos esse patrimônio importante da história do Rio de Janeiro”, afirmou Tutuca, que se licenciou da Secretaria de Estado de Turismo (Setur-RJ), onde é secretário, para assinar o PL.

O deputado explicou, ainda, que, com a doação dos trens para o estado do Rio de Janeiro, será estudado o uso turístico das composições. “Retornando à Secretaria de Estado de Turismo vamos conversar com os municípios e identificar qual o melhor uso para o interesse turístico desses trens. É uma vitória muito importante aqui no parlamento. Quero agradecer aos colegas que aprovaram esse projeto de tombamento e à vossa excelência por ter chamado os trabalhos à ordem e colocado o projeto em votação. Quero agradecer também a sensibilidade do presidente do ICMBio, que cancelou o leilão previsto para o dia 31 de março”, declarou Gustavo Tutuca, em discurso ao plenário.

Em Brasília, o deputado federal Otávio Leite, ex-secretário de Turismo do Rio de Janeiro, apresentou o projeto de lei 946/2021, com o objetivo de classificar as composições como de especial interesse e autorizar a doação dos trens pelo ICMBio ao Estado do Rio de Janeiro, para que sejam preservados e tenham destinação turística.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Um comentário

  1. Avatar

    Autoridades da região vai de encontro ao Sepultado,tragam este trenzinho para circular na malha ferroviária de Barra Mansa à Angra.Acorda não fica trazendo time de futebol para VR.vamos enriquecer nossa região

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document