quinta-feira, 14 de novembro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Quatis terá gastronomia, festival de cerveja e shows musicais ao ar livre

Quatis terá gastronomia, festival de cerveja e shows musicais ao ar livre

Matéria publicada em 17 de outubro de 2019, 22:05 horas

 


Oktobeer Fest visa incrementar o turismo na cidade e vai de sexta a domingo

Comercialização de comida de rua sobre rodas vêm se destacando em eventos promovidos no eixo São Paulo-Rio de Janeiro-Minas Gerais

Quatis – Uma das atividades apoiadas pela prefeitura visando o incremento do turismo enquanto atividade econômica e alternativa de lazer em favor da população, a edição do Oktobeer Fest no Município começa nesta sexta-feira, dia 18, e vai até o domingo seguinte, 20, na Praça Teixeira Brandão, no Centro da cidade, sempre no horário de 19 à meia-noite. A realização é da empresa Urbana Comida de Rua.
A programação prevê uma gastronomia com várias opções, festival de cerveja artesanal e shows musicais nos três dias do evento, cuja entrada ao público será de graça. A linha de shows prevê as seguintes atrações musicais: Tributo ao Rock Nacional com a banda Belonave (sexta-feira); dupla Hian e Naldinho – blues (sábado); Armândia Acústica e o cantor sertanejo Airton Reis, estes dois últimos, no domingo, dia 20.
O Oktobeer Fest terá unidades móveis de comida sobre rodas (food truck) espalhadas pela praça principal de Quatis, nos quais serão comercializados alimentos preparados na hora, sob o acompanhamento dos próprios clientes, dentro das regras de higienização e saúde pública, estabelecidas pelas entidades encarregadas da fiscalização deste tipo de comércio, entre elas, o serviço de vigilância sanitária nos âmbitos municipal e estadual, e o INMETRO (Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia). Só uma das tendas da área de alimentação terá capacidade para receber pelo menos 120 lugares.
No entendimento do prefeito Bruno de Souza (MDB), “a realização do “Oktobeerfest” certamente vai contribuir para o fomento do turismo e da cultural local, daí a importância do apoio da administração municipal ao acontecimento deste fim de semana, na Praça Teixeira Brandão”. Ele lembra que “a comida de rua não só no Brasil, como em outros países, vem se consolidando cada vez mais enquanto um evento que costuma atrair a visitação de muitas pessoas, não só das cidades aonde ele acontece, mas também em outros municípios”.
Entre as opções gastronômicas previstas para esta edição, na cidade de Quatis, estão os seguintes: comida mexicana, hambúrguer artesanal, churros boumert, batatas em geral, churrascos com cortes argentinos e uruguaios, além de espetos em geral; hot dog`s artesanais; e crepe francês. No festival de chope artesanal, haverá tipos premiados recentemente. A realização deste festival será uma das atrações da edição deste ano no evento em Quatis.
Desde quando começou a ser organizado, há quatro anos, pela empresa Urbana Comida de Rua, o evento já aconteceu em mais de 135 cidades dos estados do Rio de Janeiro, Minas Gerais e São Paulo. A relação de municípios nos quais o evento ocorreu ao longo dos últimos quatro anos, inclui as cidades de Resende, Barra Mansa, Itatiaia, Volta Redonda, Piraí, Barra do Piraí, Valença, Vassouras, Três Rios, Rio Claro, Angra dos Reis, Paracambi, Mangaratiba (todas situadas no estado do Rio de Janeiro), São José do Barreiro, Bananal (ambas no estado de São Paulo) e Santa Rita do Jacutinga (Minas Gerais).
O diretor da empresa Urbana Comida de Rua, Igor Rocha, que coordena diretamente a realização do evento na cidade de Quatis, lembra que o “food truck” se caracteriza como uma “cozinha móvel, de dimensões pequenas, sobre rodas, que transporta e vende alimentos de forma itinerante”. Segundo ele, a maioria dos veículos utilizados neste sistema “é formada por trailers, furgões, camionetes e caminhões adaptados”. Ele acrescenta que a FAO (Organização das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação) vem apontando a comida de rua como um segmento que tem ganhado cada vez mais espaço nos cenários urbanos.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document