quinta-feira, 24 de outubro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Política / Serfiotis presta contas do mandato

Serfiotis presta contas do mandato

Matéria publicada em 25 de junho de 2018, 21:50 horas

 


Prestando contas: Serfiotis fala à população sobre ações de seu mandato

Resende – De um total de 60 milhões em recursos federais encaminhados para o interior fluminense pela ação do mandato do deputado federal Alexandre Serfiotis, Resende receberá R$ 9,4 milhões, recursos que já estão sendo pagos desde 2016. Deste total, quase a metade foi orientada para melhorar a saúde do município.
Este saldo do trabalho realizado pelo parlamentar foi apresentado na última quinta-feira, dia 21 de junho, em uma concorrida reunião de prestação de contas no bairro Jardim Tropical em Resende.
— Não foi fácil conseguir todo este volume de recursos, em meio às dificuldades econômicas enfrentadas pelo país nos últimos anos. Com muita dedicação e apoio dos nossos parceiros em Resende, podemos dizer que o resultado foi positivo — disse o deputado.
Entre os recursos direcionados a Resende, o parlamentar destacou R$ 4,15 milhões destinados a fortalecer o sistema de saúde.
— Neste total, temos recursos para compra de equipamento, veículos e manutenção de diversas unidades importantes para Resende, como o Hospital de Emergência e a Santa Casa. São melhorias que fazem a diferença no dia-a-dia do atendimento e podem ser bem percebidas por quem usa o SUS diariamente — ressaltou. O parlamentar lembrou que é médico concursado do município e que conhece de perto a realidade das unidades.
Além da saúde, Resende recebeu recursos para diversos outros setores importantes, que também impactam na qualidade de vida da população. Para áreas de lazer, foi destinado R$ 1,1 milhão em recursos federais, que servirão para a reforma do Parque Saúde, na Cidade Alegria, a construção de novas áreas no Jardim do Sol e no Bairro Cabral, além de academias ao ar livre na Cidade Alegria, Surubi, Paraíso e Jardim Aliança II.
— Diversificamos para beneficiar o maior número possível de moradores — explicou.
O evento lotou o auditório do edifício Golden Center com diversas forças políticas locais, como os vereadores de Resende Sandro Ritton, Odair, Tivo, Hick Sene, Stênio, Davi Dez, De Araújo e Edson Peroba, e atraiu lideranças comunitárias dos bairros beneficiados pelas ações do mandato parlamentar.

 


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

7 comentários

  1. Avatar

    Minha gente, vamos nos informar antes de criticar. Todo deputado (e outros) devem votar de acordo com a orientaçao do seu partido. Caso contrario sofrerá puniçoes. Podera ser ate expulso do partido.

    • Avatar
      CEM Reais para votar, SEM candidato honesto depois

      Todo pretendente a membro partidário é obrigado a ler o estatuto do partido. Se não leu que tem de seguir as orientações do partido e sabe que o partido já acolhe bandidos, então o novo membro já sabe que será um NOVO BANDIDO antecipadamente.

    • Avatar

      Quem dá o mandato para o político não é o partido, é o eleitor, no caso Serfiotis optou por atender seus interesses pessoais e votar contra o trabalhador. Fora Serfiotis.

  2. Avatar

    Fora golpista que sempre votou contra
    Os trabalhadores do Sul fluminense.

  3. Avatar

    Manda ele prestar conta das vezes que votou contra os trabalhadores e afavor do golpista .Agora é a nossa vez de votar . Fora serfiotis fora golpista.
    .

  4. Avatar
    CEM Reais para votar, SEM candidatos honestos depois

    Dinheiro que recebeu do Temer para evitar a investigação do bandido confesso.

    Mudou até para o DEM para enganar os eleitores desavisados. Para continuar ganhando os votos com certeza avisou os ELEITORES DE BANDIDOS do PMDB.

  5. Avatar

    Alxandre Serfiotis, nós não esquecemos do seu posicionamento contra os trabalhadores nos casos da reforma tributária, reforma da previdência e contra a inestigação do Temer, seu mandado se encerra em 2018 e não será reeleito.

Untitled Document