terça-feira, 13 de abril de 2021 - 17:40 h

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Barra Mansa tenta acordo para manter comércio aberto

Barra Mansa tenta acordo para manter comércio aberto

Matéria publicada em 6 de abril de 2021, 09:36 horas

 


Barra Mansa – O prefeito Rodrigo Drable busca um novo acordo a fim de manter o comércio aberto após decisão judicial determinando que apenas os setores essenciais funcionem na cidade. O prefeito se reúne na tarde de hoje, terça-feira, 6, com o Ministério Público (MPRJ), a Defensoria Pública (DPRJ) e a juíza Anna Carolinne Licasalio da Costa, da 1ª Vara Cível de Barra Mansa para discutir o assunto.
O fechamento do comércio partiu de decisão da juíza Anna Carolinne. A medida, segundo a juíza, objetiva frear o agravamento da pandemia de Covid-19 na cidade.
Em acordo firmado entre a prefeitura e o MPRJ, no ano passado, foram estabelecidos níveis máximos de ocupação de leitos de UTI (50%) e enfermaria (60%). O prefeito, porém, afirma que que há chance de um novo acordo ser estabelecido.
“Estamos fazendo tudo o que é possível. Barra Mansa está em situação até mais confortável do que outras cidades da região. Hoje temos menos de 70% de leitos de UTI ocupados e menos de 60% das enfermarias”, disse o prefeito nesta manhã. “Vamos tentar construir um novo acordo que permita manter as atividades e a saúde das pessoas”, acrescentou Rodrigo Drable.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

4 comentários

  1. Avatar

    O problema está nos bairros, o povo só anda sem máscara e não existe fiscalização por parte da saúde nem do poder público.
    O comércio não pode pagar o pato.
    E a juíza: vai ficar em casa sem salário?

  2. Avatar

    O acordo não tem de ser com a justiça, tem de ser com os burros que insistem não usar máscaras pelas ruas, comércio… Tem até dono de comércio que não usa e depois fica chorando.

    • Avatar

      Verdade. Quem deveria tá cuidando são os primeiros a atrapalhar. Hoje entrei em um comércio, olhem só, o dono e os três funcionários sem as máscaras.
      Voltei.

  3. Avatar

    Quando é que vão frear esse judiciário ditador? Numa canetada essa mulher prejudica milhares de famílias e fica por isso mesmo? Começando pelo STF, todas as instâncias devem ser investigadas, não é possível isso….

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Untitled Document