sábado, 19 de outubro de 2019

TEMPO REAL

 

Capa / Região / Comerciantes reclamam de vendedores ambulantes em VR

Comerciantes reclamam de vendedores ambulantes em VR

Matéria publicada em 16 de junho de 2019, 11:00 horas

 


Lojistas falam de ‘concorrência desleal’ e ocupação irregular das calçadas da Vila Santa Cecília

Barracas são armadas e produtos expostos próximo de lojas na Vila Santa Cecília (Foto – Júlio Amaral)

Volta Redonda – Ambulantes que vendem suas mercadorias todos os dias nas calçadas da Rua 14, na Vila Santa Cecília, estão tirando o sono de alguns comerciantes, que apontam uma concorrência desleal. Sem muita cerimônia, verdadeiros estandes de vendas são abertos em frente a lojas. Os produtos vendidos vão de artesanato a aparelhos eletroeletrônicos.

De acordo com a gerente de uma loja de artigos eletrônicos, a presença de ambulantes atrapalham as vendas.

– A presença desses ambulantes atrapalha muito o meu comércio. Alguns deles vendem o mesmo produto que eu, só que para eles é mais fácil baixar os preços, pois não pagam impostos e nem aluguel. Não têm funcionários. E o que mais me revolta é que eles colocam seus produtos bem em frente da minha loja e oferecem os mesmos produtos a um preço mais barato. Sem a mesma qualidade, sem as mesmas garantias – disse.

Quem também criticou a venda de produtos em barracas foi o gerente João Carlos, que trabalha em uma loja de conveniência localizada na Rua 14, na Vila Santa Cecília.

– Com certeza a presença desses ambulantes atrapalha o comércio. No caso do meu estabelecimento comercial, eles sempre resolvem expor seus produtos bem em frente à loja, ocupando as vitrines e tirando o visual da loja. Sem falar na sujeira que eles deixam na porta. Outro fator negativo da presença desses ambulantes é tirar os clientes da loja. Um bom exemplo é quando chove. É só chover que na mesma hora eles enchem a calçada de sombrinhas e guarda chuvas, oferecendo o mesmo produto que eu vendo a um preço bem mais baixo, sem pagar impostos e nem nada – lamenta o gerente.

Segundo João Carlos, entre os produtos comercializados pelos ambulantes e que são encontrados em sua loja estão meias, produtos da linha de informática e eletrônicos como carregadores, fone de ouvidos e chips de celulares.

– Além da venda de produtos que a loja comercializa a um preço mais baixo, os ambulantes também fazem muita algazarra em frente à loja para atraírem os clientes – diz.

Dono de uma cafeteria localizada no Largo Nove de Abril, Luiz Antônio Langoni afirma que a desordem na ocupação da Vila Santa Cecília tem um problema até mesmo visual.

– No meu caso, que tenho uma cafeteria, a presença deles nas calçadas não atrapalha. Mas há uma desordem visual – declara.
A dona de casa Tatiane Vítor, que mora no bairro Volta Grande, disse que a presença de ambulantes nas calçadas do bairro não a incomoda.

– Na minha opinião, a presença deles nas ruas não atrapalha, acho que eles estão tentando ganhar o dinheiro deles de forma honesta, além deles nunca me faltaram com o respeito – destacou.

A aposentada Neuza de Oliveira tem opinião parecida.

– Com esse desemprego, acho que as pessoas precisam fazer algo para sobreviver e é justamente o que esses ambulantes estão fazendo. E dependendo do que eles me vendem até compro alguma coisa – afirmou Neuza.


Comente com Facebook
(O Diário do Vale não se responsabiliza pelos comentários postados via Facebook)

40 comentários

  1. Avatar

    sem contar que somos coagido por flanelinha quando vamos a vila santa cecilia

  2. Avatar

    O langoni . O sids a camponesa . Pagam imposto pra encher as calçadas de mesas e cadeiras por exemplo?

    • Avatar

      Ocupam, mas pagam impostos. O imposto não tem finalidade específica, e o código de postura deve dizer o que pode e o que não pode fazer. Se fazem e não são reprimidos, permitido é… Não fica procurando chifre em cabeça de cavalo não…

    • Avatar
      capeta da grota do Santa cruz

      tem espaço para todos com mais gente nas calçadas o ambiente se torna mais movimentado e quem talvez fosse comprar com um ambulante mudar de ideia é comprar de fato com o pessoal do comércio formal deixa abóbora alastrar

  3. Avatar

    Nem sempre os impostos arrecadados são direcionados para os fins… que os contribuintes possam desfrutar. Este número crescente de ambulantes e sinal que o país esta entrando recessão e nossos políticos estão preocupados de ficar brigando entre si esquecendo de cumpris suas promessas …

  4. Avatar

    Vou respeitar o luto dp prefeito De volta Redonda. É difícil nesta hora de pesares cómentar .

  5. Avatar

    A prefeitura e guarda a muito tempo nao a. Funciona mas essa e a nossa gestao fora samuca

  6. Avatar

    Tem que reclamar somos nós pelo preço que eles comerciantes praticam e os ambulantes praticam preços menores por não ser tão gananciosos nesse brasil não se pode nem trabalhar que os caras reclamam então só resta os cidadãos de bem ser vagabundos e ai reclamam também fica difícil.

    • Avatar

      Eles praticam preços menores porque não têm qualquer custo fixo ou variável, óbvio… A caixa de comentários do DV está cheia de mestres que nada sabem…

    • Avatar

      Falou o que sabe de tuuuuuuuuuudo aqui no DV. kkkkkkkkkk

      Uma pergunta por mais idiota que seja merece uma resposta inteligente.

      É melhor eles aqui se informando e se formando do que acreditarem que na caixa de comentários do DV só tem comentários idiotas, e nunca mais voltarem.

      Parece que o Emir ficará escrevendo sozinho. kkkkkkk

  7. Avatar
    Ministério Público

    O restaurante Chico’s ao lado da Caixa Econômica Federal paga pelas mesas que ficam na calçada? Sem mais!

  8. Avatar

    Comerciantes usem preços competitivos,
    Não queiram ganhar independência financeira.
    Todos têm que sobreviver, com trabalho.

    • Avatar

      Preços competitivos como se tem que pagar impostos, aluguel, taxas, ambulantes não pagam nada.

      Na minha rua tem uma sacoleiros que vende o preço de loja de shopping, mas a loja do shopping gera emprego, gera imposto que se volta em serviço para a população e a vizinha só beneficia ela própria.

      Por isso não compro nada de ambulante.

  9. Avatar

    Flanelinha tem que ser combatido. Não existe local que flanelinha tem apoio. É um problema de várias cidades. Na rua 33 nao existia flanelinha ate 2017. Ano passado começaram tomar conta da rua.

    Mas oa vendedores ambulantes são situações diferentes. A população apoia, para constatar isso basta a Guarda tentar retirar que recebe protesto na internet.
    Não tenho nada contra os vendedores, mas tb entendo a situação dp comércio local.
    É uma situação complexo.

    • Avatar

      Neto fez os mercados municipais para tirar os ambulantes.
      Tirou e agora virou essa bagunça.
      Quem apoia , quero ver se montarem uma barraquinha de hot dog na calçada da casa deles o que dizem…

  10. Avatar

    Vamos ser olhar os dois lados da moeda.
    Um lado comerciantes que pagam seus impostos do outro pessoas que necessitam de ganhar o seu sustento, a melhor maneira e PMVR cadastrar os ambulantes e os colocando como MEI e ceder um espaço pra eles.
    O mercado popular na verdade teria este objetivo, mas parece que os boxs estão ocupados

    • Avatar

      Só na cornolândia mesmo, pra um ambulante ilegal vender o mesmo produto de um comércio legal e isso ficar impune. Cara, é uma lógica tão básica, que não é possível não entender. O desemprego está em baixa!? Ok! Mas vender na FRENTE do comércio que paga dezenas de impostos, funcionários e alugueres exorbitantes? Sinceramente, o comerciante deveria entrar com o ferro na prefeitura pela omissão. Quer vender suas tranqueiras? Beleza cara, procura um lugar afastado de um comércio.

    • Avatar

      Aí na avenida principal da roça não tem ambulante não? Foi notícia nacional a abordagem covarde a um vendedor de frutas, há poucos dias… Barramansuíno mané chega a ser redundância, é o que mais tem…

  11. Avatar

    Bem feito! Colocaram bandeirinhas verdes e amarelas nas portas e pediram o golpe. Agora aguentem. Votaram bozzo e já estão se arrependendo. Vai.piorar, mais ambulantes estão chegando. Chupa essa manga. BEM FEITO!

    • Avatar

      Vomitou bobagens

    • Avatar

      com o PT isso nao existia?

    • Avatar

      Culpa desse enorme desemprego e da crise é do governo petista, que saqueou os cofres públicos e fez uma roubalheira desenfreada. Minha bandeira é verde e amarela, jamais será vermelha. Acorda Jurandir

    • Avatar

      Bem raciocínio de eleitor de ladrão ..quem quebrou o país e deixou o povo na merda foram 13 !anos de pilantras no governo . Agora querem por na conta do bolsonaro .. esse povo vermelho derrota tinha que sumir do país

    • Avatar

      No governo Lula tinha geração de empregos, combate à fome, mais médicos, incentivo ås universidades, respeito internacional q hj acabou, esse bozzo não passa de um deles serviçal de trump e os coxinhas como a “verde e amarela” são analfabetos funcionais.
      Kd o Queiroz?
      Já leram o Glenn Grenwald hj? Kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  12. Avatar

    Olha está horrível mesmo, me lembro quando era antigamente, cheio de ambulantes nas calçadas atrapalhando e sujando as ruas, isso não é empreendedorismo prefeito!! Tá uma bagunça

  13. Avatar

    Em quanto isso na pacata Barra Mansa. a Prefeitura esta cadastrando abulantes para montar suas barraquinhas de frente as lojas aonde pagam impostos.

  14. Avatar

    Legal os argumentos das duas senhoras.

    Se elas fossem as donas das lojas OU soubessem que o hospital que iriam precisar de atendimento funciona com impostos, então pensariam o contrário.

    Para elas pimenta nos olhos dos outros é colírio.

  15. Avatar

    A multiplicação dos ambulantes é consequência da recessão e do alto desemprego. Assim como o aumento da população de rua, vendedores nos sinais e pedintes pelas calçadas.

    É preciso fazer o país voltar a crescer, abrir novos postos de trabalho e principalmente não retirar mais direitos trabalhistas. Se a reforma da previdência passar, em breve serão os idosos morando nas ruas e vendendo meias em barracas.

  16. Avatar

    COM SALÁRIOS ACHATADOS E DESEMPREGO EM ALTA ESSE CENÁRIO SERÁ CADA VEZ MAIS COMUM. OU SE MONTA UM BOTECO OU SE CONSTROI UMA IGREJA$$$$$$$$$$

  17. Avatar

    Deveria ter uma materia sobre o parquimetro que somos obrigados a pagar, e flanelinha para nao termos o carro danificado cade a fiscalizaçao ou um ou outro retira o parquimetro entao se nao dao conta de fiscalizar!!!!@

  18. Avatar

    Zona! Simples assim! Quando virar uma Cracolândia os “bons samaritanos” que os aprovam e sustentam comprando suas quinquilharias e fornecendo alimentação, vão reclamar dos lojistas cerrarem suas portas, não recolhendo impostos que são utilizados na saúde, educação e urbanismo.

    • Avatar

      Fato, não tem secretaria de ordem pública, cadê a fiscalização , pq não regulariza essas pessoas e coloca num quiosque, cidade tá uma bagunça

    • Avatar

      A Vila Santa Cecília está abandonada, melhor, toda Volta Redonda está abandonada. Uma vergonha.

    • Avatar

      Eu nunca vi tanto cigano nas ruas de Volta Redonda igual agora. Donde essa gente brotou??

    • Avatar

      Não existe justificativa plausível para a desordem. Ponto… O povo fica com pena, defende, mas tem que pensar que esse ambulante pode estar tirando o emprego com carteira assinada do seu filho…

    • Avatar

      Praça dos inocentes cheia de maconheiro e pessoas praticando atos libidinosos a luz do dia na frente de porta de escola, curso de inglês, frequentado por menores.

Untitled Document